conecte-se conosco


Nacional

Bolsonaro edita 7º decreto sobre armas e mantém brecha para compra de fuzil

Publicado

Bolsonaro
Isac Nóbrega/PR

Bolsonaro edita 7º decreto sobre armas e mantém brecha para compra de fuzil

No início da madrugada desta quarta-feira, foi publicado no  Diário Oficial da União um novo decreto sobre armas , o sétimo editado desde o início do governo Bolsonaro . O texto revoga decreto publicado ontem, mas mantém alguns pontos polêmicos que vem sofrendo resistência do Congresso desde que o atual governo decidiu mudar as regras sobre porte e posse de armas no país. O novo decreto mantém brecha para compra de modelo de  fuzil ao repetir a definição técnica sobre o que é uma arma de uso permitido. Antes do governo Bolsonaro, fuzil era arma de uso restrito das forças policiais. 

Leia também: Desafiado por Zambelli a soltar áudio de Moro, Glenn rebate: “Vai se arrepender”

Numa tentativa de amenizar as críticas, o novo decreto de Bolsonaro excluiu a relação de cerca de 20 categorias profissionais que teriam direito a ter porte de arma. Assim, caiu a permissão para que guardas de trânsito, caminhoneiros, advogados, políticos eleitos e até jornalistas que cobrem assuntos de segurança pudessem requerer um porte de arma.

Veja Também:  Chuva em São Paulo causa transbordamento de rio e queda de árvores

O novo decreto também revogou a permissão para compra de até 5 mil munições para armas de uso permitido e até 1 mil munições para armas de uso restrito. Agentes do Ibama para quem o governo Bolsonaro havia vedado o porte de arma, voltaram a ter esse direito.

Os militares que migravam para a reserva também perderam o direito automático de manter o porte. O novo decreto não traz mais o inciso que assegurava esse benefício. O novo decreto apenas diz que, para manter direito ao porte, o militar que vai para a reserva tem que se submeter a exames técnicos.

O novo texto manteve um tema que vinha sendo defendido por colecionadores de armas e associados de clubes de tiro: a liberação da importação de armas, mesmo quando há similar fabricado no Brasil . Até 2018, a importação de armamento era proibida se houvesse um similar nacional.

Leia também: Militar da comitiva de Bolsonaro é preso com cocaína em avião da FAB na Espanha

Bolsonaro enviou ontem um projeto de lei ao Congresso que, se aprovado, dará ao Executivo a permissão de por decreto ampliar o porte de armas para outras categorias, além daquelas especificadas em lei. Uma das principais questões sobre os decretos das armas foi justamente esta ampliação 

Veja Também:  Padre é preso suspeito de estuprar garoto que trabalhava em sinal

Comentários Facebook
publicidade

Nacional

Estrutura desaba sobre pessoas antes de show de banda infantil em Belém

Publicado

source
Estrutura desaba em Belém arrow-options
Reprodução

Estrutura desaba em Belém (PA)

A estrutura de metal armada para um show da banda infantil Mundo Bita cedeu no Parque Shopping Belém , no Pará. De acordo com autoridades do estabelecimento, a armação desabou sobre as pessoas por conta da chuva e dos ventos fortes. Vídeos publicados nas redes sociais mostram o momento exato da queda .

LEIA MAIS: Mulher é ferida na cabeça durante tiroteio em Angra dos Reis

Em nota, o Parque Shopping Belém informa que realizou o pronto atendimento às vítimas pouco depois do ocorrido. Conforme a legislação, ambulâncias e agentes do Corpo de Bombeiros estavam presentes no local. O estabelecimento reitera que todas as vistorias necessárias foram realizadas.

A banda infantil Mundo Bita também se pronunciou nas redes sociais. De acordo com o perfil, ninguém ficou ferido com gravidade. “A segurança das famílias é uma grande exigência em todas as nossas apresentações”, diz a publicação. O grupo ainda frisou que a estrutura do show é de responsabilidade do contratante – no caso, o Parque Shopping Belém.

Veja Também:  Idosa que teve 10 caminhões de lixo retirados de casa recebe doações de móveis

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Mulher é ferida na cabeça durante tiroteio em Angra dos Reis

Publicado

source
Frade, Angra arrow-options
Reprodução/Facebook

O tiroteio aconteceu no Frade, em Angra dos Reis, Rio de Janeiro


Leia também: Quatros pessoas morrem soterradas em deslizamentos em Campos do Jordão

Moradores do Frade, em Angra dos Reis, acordaram assustados, na manhã deste sábado (14), com o intenso tiroteio entre facções rivais na região. Nas redes sociais, moradores contam o terror pelo qual estão passando. Uma mulher ficou ferida após ser atingida na cabeça por estilhaços de um bala perdida.

“Ninguém consegue ir trabalhar. Um inferno e a polícia na beira da pista e ninguem faz nada… Nós não merecemos passar mais por isso”, afirma. Outro morador conta que o tiroteio começou às 6h. “Troca ontensa de tiro, parte do comércio fechado, ninguém consegue descer o morro. É polícia atirando no bandido, bandido atirando no bandido, bandido atirando na policia. Desde 6h. É assustador o que está se passando na Vila do Frade. Algo fora do comum”.

A vítima da troca de tiros, de acordo com moradores, foi levada para o Hospital de Praia Brava. Ela estava dentro de casa quando foi atingida. Segundo o setor de emergência da unidade hospital, a vítima, que não teve a identidade divulgada, foi atingida por estilhaços de bala perdida na cabeça. Atendida e com curativo, ela foi liberada para casa.

Veja Também:  Aluno denunciado por racismo é afastado de universidade na Bahia

Leia também: Médico e enfermeira são sequestrados para socorrer baleado em Paraisópolis

Segundo a PM, o 33º BPM (Angra dos Reis) foi acionado por conta de disparos de arma de fogo no bairro do Frade. Os policiais se dirigiram ao local e passaram a reforçam o patrulhamento na área, inclusive no trecho da BR-101 que corta o bairro. Não houve prisões ou apreensões até o momento.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Menino de 9 anos consegue cirurgia auditiva para mãe com cartinha ao Papai Noel

Publicado

source
papai noel arrow-options
Reprodução/TV Tem

Mãe e filho receberam o ‘presente de Natal’ antecipado graças à cartinha endereçada ao Papai Noel.

Com apenas 9 anos, Rafael Yoshio Shiraishi conseguiu uma cirurgia auditiva para a mãe Andrea Cristina Toledo Luís por meio de uma carta enviada ao Papai Noel . Ao invés de brinquedos, eletrônicos, roupas e viagens, a criança pediu que o ‘bom velhinho’ ajudasse a remover os tumores dos ouvidos da mãe. 

Leia mais: Médico e enfermeira são sequestrados para socorrer baleado em Paraisópolis

“Querido Papai Noel. Fui um bom aluno, sempre tirei notas boas, mas esse ano, eu não quero pedir presente para mim. O meu presente é para alguém muito especial”, iniciou o pedido. A carta foi feita por Rafael e postada nas redes sociais e dois dias depois da publicação, que viralizou na internet, um hospital entrou em contato com a mãe do garoto para agendar a consulta. 

Os tumores de ouvido são tratados por Andrea há 14 anos. Duas cirurgias foram feitas para retirar os colesteatomas, mas o problema voltou. Hoje, andrea perdeu 80% da audição devido ao problema. “Eu estava querendo que minha mãe não perdesse a audição por completo e continuasse ouvindo a voz do meu irmão e a minha voz”, contou Rafael. 

Veja Também:  Mulher tenta esfaquear juíza dentro do Fórum da Barra Funda e é presa

“Ele falava, falava, e eu não conseguia entender. Aí chegou um momento em que eu tive que falar para ele: ‘Rafa, fala olhando para a mamãe. E fala devagar, pausadamente, para eu poder ler os seus lábios quando eu não escutar o que você fala’”, disse Andrea ao G1.

Leia também: Carlos Bolsonaro compartilha vídeo que acusa Witzel de tramar contra Bolsonaro

A cirurgia de remoção do tumor ficou marcada para o dia 23 de dezembro, muito antes do previsto para um presente de Natal. Rafael disse que ficou muito emocionado e que chorou de alegria. 

O segundo ouvido de Andrea só vai passar pelo procedimento cirurgico quando o primeiro estiver totalmente recuperado. Os médicos alegaram que depois do processo, será feita uma avaliação para saber se um implante será necessário para na recuperação da audição .

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana