conecte-se conosco


Esportes

Brasileiro: Grêmio derrota CSA e assume 4ª posição

Publicado

source

No jogo que encerrou a 31ª rodada do Campeonato Brasileiro o Grêmio derrotou o CSA por 2 a 1 nesta quinta (7) e assumiu a quarta posição da competição.

A equipe gaúcha abriu o placar com o atacante Diego Tardelli. Aos 7 minutos de partida Everton cruza da esquerda e o camisa 9 chega chutando de primeira.

Mas a equipe alagoana chega a ensaiar uma reação, quando Rafinha marca em bela cobrança de falta aos 44 do segundo tempo.

Porém, aos 48 o Grêmio garante a vitória final graças a um gol-contra de Ronaldo Alves.

Próxima rodada

A 32ª rodada do Campeonato Brasileiro começa no próxima sábado com o jogo entre Goiás e Santos, que tem início às 17h (horário de Brasília).

Edição: Fábio Lisboa

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Veja Também:  Brasil bate Argentina e se garante no Pré-Olímpico Mundial de Basquete
publicidade

Esportes

Coluna – O Dia da Consciência Rubro-Negra

Publicado

source

A contagem regressiva está em andamento. Nesse dia de celebração dos 50 anos do milésimo gol de Pelé, o torcedor do Flamengo está de olho no fim de um jejum de 38 anos sem disputar a final da Copa Libertadores, e de outro, de dez anos sem a conquista de um campeonato brasileiro. Não é pouco, muito menos se levarmos em consideração que os dois jejuns podem acabar no próximo fim de semana.

Mas é hora, também, de lembrarmos de como o Flamengo e sua torcida chegaram a essa situação. Não foi de janeiro para cá, quando a atual administração tomou posse. Na verdade, temos de voltar no tempo, ao dia 02 de janeiro de 2013, quando Eduardo Bandeira de Mello assumiu a presidência, decretando que as prioridades seriam a organização administrativa do clube, o pagamento de dívidas e a “limpeza” do nome na praça, deixando de lado a sede de títulos, pelo bem do futuro da instituição.

Foi o Dia da Consciência Rubro-Negra.

E o preço não foi barato. É verdade que logo no primeiro ano a nova administração festejou uma Copa do Brasil. Que não estava nos planos. Mas que acabou sendo o principal título até o fim do segundo mandato, em 2018. Além dela, vieram dois campeonatos estaduais e três vice-campeonatos importantes – na Copa do Brasil e na Copa Sul-Americana de 2017 e no Campeonato Brasileiro de 2018. Como gostavam de dizer os torcedores rivais, ficou “no cheirinho”. Mas já era a sinalização de que tempos melhores viriam.

Veja Também:  México elimina Holanda nas penalidades e avança no Mundial Sub-17

E chegamos a 2019, manchado pelo incêndio no Ninho do Urubu, com dez vítimas fatais. Nos campos, porém, os resultados comprovam o acerto da decisão lá de 2013 e recompensam o sacrifício de quem entrou para a história do clube, se não como grande campeão, mas como um dos melhores administradores. Com erros, é claro, como todos os outros, mas que não pode ser esquecido.

O caminho do Flamengo está sedimentado. Para se confirmar como um dos, se não o principal, clube do país. Ainda distante dos europeus, mas num patamar acima da grande maioria dos clubes brasileiros e sul-americanos. Se os títulos virão, é outra questão, pois o que acontece dentro de campo foge da capacidade dos dirigentes.

De certo que o clube vai se fortalecer. Vai faturar, encher o cofre. Que tal pensar nos garotos que tiveram a vida interrompida no dia 8 de fevereiro? Que tal botar a mão na consciência e fechar o ano com uma chave, não de ouro, mas rubro-negra?

Edição: Verônica Dalcanal

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Vasco folga na rodada e só volta a jogar dia 28 contra o São Paulo

Publicado

source

O Vasco da Gama só volta a campo dia 28, quando enfrenta o São Paulo no Morumbi. Até lá, a última lembrança do torcedor vai ser o empate de 1 a 1 contra o Goiás, em pleno São Januário, diante de 18 mil torcedores. Fred Guarín marcou para os vascaínos e a vitória estava garantida até o último minuto dos acréscimos, quando outro colombiano, Oswaldo Henríquez, marcou contra para os Esmeraldinos.

“Faltou segurar a bola no ataque, mastigar a bola mais na frente para que naturalmente saísse um segundo gol. Nós não conseguimos fazer isso e eles ficaram cruzando, cruzando, até que numa falha acontece o gol”, analisou Vanderlei Luxemburgo.

Ouça na Rádio Nacional

O técnico deu folga para o elenco até quinta-feira (21) e reclamou de todo esse tempo parado. “Neste contexto de reta final de temporada, a gente fica meio pirado, porque a gente quer mais é jogar para acabar logo o campeonato”.

Depois do São Paulo, o Vasco retorna ao Rio de Janeiro, onde encara o Cruzeiro novamente dentro de casa. O clube não joga esta semana, pois já enfrentou o Flamengo, na última quarta (13), em partida válida pela 34ª rodada do Campeonato .  O jogo foi antecipado em virtude da final da Libertadores, entre os rubro-negros cariocas e os argentinos do River Plate, no próximo sábado (23), em Lima (Peru), às 17h (horário de Brasilia).

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Veja Também:  Flamengo vence Grêmio e pode ser campeão Brasileiro no próximo domingo
Continue lendo

Esportes

Brasil vence Coreia do Sul em último jogo do ano da seleção

Publicado

source

Após cinco jogos sem vencer, a seleção brasileira de futebol espantou a má fase ao derrotar por 3 x 0 a Coreia do Sul, no estádio Mohammed Bin Zayed, em Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos).  As cinco modificações feitas pelo técnico Tite, em relação ao time que perdeu para a Argentina no domingo (17), surtiram efeito em campo. O ataque brasileiro ganhou velocidade e ficou mais criativo.

E o primeiro gol saiu logo aos 9 minutos de partida, depois de uma linda jogada do meia Phillipe Coutinho – que entrou hoje (17) no lugar de William: ele rolou para Renan Lodi cruzar na medida para Lucas Paquetá abrir o placar de cabeça. Lodi substituiu hoje Alecsandro, machucado.

As outras três alterações feitas por Tite também contribuíram na vitória desta terça-feira (19). Richarlison iniciou a partida no lugar do atacante Roberto Firmino, no meio-campo Fabinho substituiu Casemiro, e na zaga Marquinhos entrou no lugar de Thiago Silva, herdando também a braçadeira de capitão.

Danilo fez o terceiro gol da seleção, aos 14 minutos do segundo tempo

Danilo fez o terceiro gol da seleção, aos 14 minutos do segundo tempo – Lucas Figueiredo/CBF

 

Com mais mobilidade do meio de campo para a frente, a seleção criou boas oportunidades de ampliar. Numa delas, Fabinho tinha acabado de roubar a bola e partia com ela, quando foi derrubado pelo atacante coreano Hee-Chan Hwang. Falta para o Brasil, que Coutinho cobrou com maestria aos 34 minutos, quebrando um jejum de cinco anos. O último gol em cobrança de falta da seleção foi marcado por Neymar, num confronto contra a Colômbia, em 05 de setembro de 2014.

Veja Também:  França fica em terceiro lugar no Mundial Sub-17

Após o intervalo, a seleção seguiu no controle e não demorou para marcar o terceiro gol: aos 14 minutos Coutinho rolou para Richarlison, que passou para Lodi cruzar para Danilo estufar a rede com um golaço de fora da área. E a vantagem brasileira no placar poderia ter sido ainda maior: Richarlison perdeu uma boa chance de ampliar aos 22 minutos, e na sequência, aos 26, Gabriel Jesus recebeu de Coutinho mas chutou do lado de fora da rede. A Coreia do Sul teve sua melhor chance de descontar aos 29 minutos com Son Heung-Min, estrela do Tottenham (Inglaterra), que chutou duas vezes: na primeira Danilo afastou e depois o goleiro Alisson agarrou. 

Já nos minutos finais, Tite promoveu várias substituições: Lucas Paquetá deixou o campo para Roberto Firmino entrar aos 38 minutos; o jovem atacante Rodrygo assumiu o ataque no lugar de Gabriel Jesus aos 41; e aos 42 o lateral-direito Emerson substituiu Renan Lodi, um dos principais destaque da partida.

 

Ficha Técnica:

Terça-feira, 19 de novembro de 2019

Veja Também:  Flamengo vence Grêmio e pode ser campeão Brasileiro no próximo domingo

BRASIL  3 x 0  COREIA DO SUL

Amistoso

Local: Estádio Mohammed Bin Zayed, em Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos-EAU)

Juiz: Ammar Al Jeneibi (EAU)

Assistentes: Ahmed Al Rashidi (EAU e Jassem Abdulla Al Ali (EAU)

Brasil: Alisson, Danilo, Marquinhos, Militão e Renan Lodi; Fabinho, Arthur e Paquetá; Gabriel Jesus, Firmino e Coutinho.

Coreia do Sul: Jo Hyeon-woo; Kim Moon-hwan, Kim Young-Gwon, Kim Min-jae e Kim Jin-Su; Jung Woo-young, Ju Se-jong, Son e Lee Jae Sung; Hee-Chan  Hwang e Hwang Ui-jo

Gols: no primeiro tempo Lucas Paquetá (8), Philippe Coutinho (35);  no segundo tempo Danilo (14).

Edição: Guilherme Neto

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana