conecte-se conosco


Nacional

CET bloqueia faixas da Marginal Pinheiros e terminal atende LGBTIs, nesta quarta

Publicado

source
atendimento arrow-options
Divulgação/Prefeitura de São Paulo

Atendimento ao público LGBTI acontece na zona norte da cidade

São Paulo terá mais um dia de baixas temperaturas, nesta terça-feira (21). De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE), o dia amanhece nublado e com sensação de frio. Enquanto isso, apesar de tímido, o sol deve sair durante o período da tarde e a noite termina com nebulosidade, mas sem chuvas. A previsão do tempo indica mínima de 13°C e máxima de 16°C.

Leia também: Conheça boas opções do transporte público de São Paulo ainda pouco usadas

O rodízio na cidade de São Paulo  vale hoje para veículos com placa de final 5 e 6, das 7h às 10h da manhã e das 17h às 20h da noite. Nesses períodos, fica proibida a circulação desses veículos na região do centro expandido, no perímetro entre as marginais Pinheiros e Tietê, a Avenida Luís Ignácio de Anhaia Mello e a Avenida Salim Farah Maluf.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) vai interditar duas faixas da esquerda da pista expressa da Marginal Pinheiros , sentido Castelo Branco, próxima a estação do Morumbi da CPTM. A intervenção foi solicitada pelo Metrô para a construção da futura estação Morumbi , da linha 17-Ouro. A interdição vai acontecer a partir das 22h e assim permanece até às 5h de quinta-feira (22).

Veja Também:  Universitária denuncia racismo após ser acusada de roubo em loja no Rio

Leia também: Quantidade de queimadas no Brasil aumenta em 82% 

O transporte público deve funcionar normalmente durante todo o dia. Além disso, os passageiros que passarem pelo Terminal Pirituba, zona norte de São Paulo , entre às 11h e às 16h, poderão receber serviços de assistência social, assessoria psicológica e jurídica pelos profissionais que estarão na unidade móvel LGBTI (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Intersexuais).

Comentários Facebook
publicidade

Nacional

Hélice de helicóptero prestes a decolar atinge caminhão no Acre; assista

Publicado

source
Caminhão se chocou com aeronave arrow-options
Reprodução

Caminhão se chocou com aeronave

A hélice de um helicóptero que estava prestes a decolar após um pouso na BR-364 , na região do Segundo Distrito de Rio Branco , no Acre , atingiu um caminhão que trafegava pela via, neste sábado. Um vídeo que mostra o momento do choque circula na internet. De acordo com o G1, a aeronave pertence ao Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) , órgão da Segurança Pública do estado. Após o acidente, militares foram encaminhados ao hospital.

O coronel Oliveira, da Polícia Militar do Acre, informou que a aeronave estava dando apoio à Operação Cerco, que ocorria no bairro Belo Jardim. O helicóptero estava parado em uma rotatória quando a equipe iniciou o processo de decolagem. Neste momento, um caminhão que passava pelo local acabou colidindo com a aeronave, que transportava dois comandantes e três tripulantes.

Já o caminhão estava prestando serviço à Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), e transportava resíduos hospitalares. De acordo com um funcionário, que não estava no momento do acidente, três pessoas seguiam no caminhão, mas nenhuma foi atingida pela hélice.

Veja Também:  Foragido desde 2009, homem é preso por estupro de sobrinho de apenas 4 anos

A Polícia Militar informou que as causas do acodente serão investigadas.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Chuvas deixam ao menos cinco mortos no Espírito Santo

Publicado

source
veiculo e agua arrow-options
Twitter/Reprodução

Chuva deixou rastro de destruição em cidades

Pelo menos cinco pessoas morreram após chuvas atingirem o sul do Espírito Santo na noite da sexta-feira (17) e na manhã do sábado (18). Os dados ainda são parciais, pois a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros dos municípios ainda não conseguiram chegar em alguns dos locais atingidos pela água.

O município de Alfredo Chaves foi o que mais registrou acúmulo de chuvas em prazo de 24 horas, com 249,2 mm. No local, uma residência caiu e soterrou um casal de idosos, que morreu na hora.

Leia também: Teto de ginásio desaba durante forte chuva e quase atinge crianças; assista

Outro município que também registrou mortes foi Iconha, com desabamento de passarela e até mesmo o alagamento de um hospital. No município de Vargem Alta, 231,6mm de chuva foram registrados. A cidade ficou sem comunicação até a tarde deste sábado.

Comentários Facebook
Veja Também:  Witzel diz que pediu apuração rigorosa da qualidade da água da Cedae
Continue lendo

Nacional

Supermercados do Rio registram falta de água mineral por crise da Cedae

Publicado

source
pessoa com carrinho cheio de água arrow-options
Márcia Foletto / Agência O Globo

População tem feito estoque de água mineral

Mesmo não sendo atingidos pela crise que afeta o fornecimento de água pela Cedae na cidade do Rio de Janeiro , moradores de Niterói continuam a comprar água mineral para consumo. Por conta da alta procura, alguns supermercados da cidade estão limitando o número de garrafas por cliente.

Em uma unidade do Guanabara , no Centro, as prateleiras estão abastecidas, porém, a venda de água de 1 litro e meio está restrita a 2 engradados por pessoa, com o valor de R$ 2,05 cada garrafa, e apenas uma marca estava disponível.

Leia também: MP vai à Justiça para Cedae apresentar laudos de qualidade da água no Rio

Um casal de Campos dos Goytacazes, no interior do estado, veio passar uns dias com a filha, que mora em Niterói, e decidiram comprar água mineral após tomar conhecimento do problema que afetou o abastecimento na cidade do Rio.

“Nós chegamos aqui e tomamos conhecimento desse problema com a água. Como a minha filha está grávida, preferimos não arriscar”, explicou Vânia Carneiro.

Veja Também:  Witzel diz que pediu apuração rigorosa da qualidade da água da Cedae

Nilsomar Pinheiro, morador de Niterói, aproveitou a companhia da esposa para levar 4 fardos de água de 1,5L, já que a venda é limitada por pessoa. Nilson explicou que utiliiza água encanada em casa para o consumo, mas até a Cedae normalizar o fornecimento de água adequada, prefere comprar a mineral

Leia também: Mulher é condenada após envenenar marido com colírio diluído na água de beber

“A gente ouviu dizer que aqui em Niterói o abastecimento sai de outra fonte, mas achamos melhor comprar água mineral porque a minha esposa está operada”, disse.

No supermercado Mundial, somente garrafas de 510ml. Apesar das prateleiras estarem abastecidas com as garrafas menores, e algumas marcas em promoção, todas as unidades de 5 litros e de um litro e meio acabaram.

“Há 1 semana a gente não recebe a garrafa grande. Os clientes ficaram apavorados no início dessa confusão aí, mas agora acalmou. Só não sabemos quando o fornecimento das garrafas de 1,5L e 5 litros vai normalizar,”, disse um funcionário da rede de supermercados.

Veja Também:  Foragido desde 2009, homem é preso por estupro de sobrinho de apenas 4 anos

Leia também: MP vai à Justiça para Cedae apresentar laudos de qualidade da água no Rio

Nos dois supermercados visitados pela nossa reportagem, o abastecimento de água mineral com gás está normal. O Globo também visitou 2 depósitos de bebidas em Icaraí e os funcionários disseram que a venda de galões de 20 litros teve um pequeno aumento, mas sem maiores impactos.

A cidade de Niterói não está sendo atingida pelos problemas de abastecimento de água, que já alcançam 77 bairros da capital fluminense e seis municípios da Baixada. Em Niterói, a água também é fornecida pela Cedae, mas a captação é feita pelo Sistema Inumana-Laranjal, dos rios Macacu e Guapiaçu, cujas nascentes ficam na Região Serrana.

A água tratada pela estatal é comprada da concessionária Águas de Niterói – que também é responsável pela rede de esgoto do município. A empresa, que não faz tratamento adicional ao produto fornecido pela Cedae, afirma que monitora a qualidade do serviço com análises laboratoriais.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana