conecte-se conosco


Cuiabá

Defesa Civil interditou creche sete meses antes de desabamento

Publicado

Luiz Alves

A atuação da Defesa Civil de Cuiabá evitou que uma tragédia fosse registrada com o desabamento de parte da creche filantrópica Nossa Senhora do Carmo, na segunda-feira (11).  A unidade, localizada na Avenida São Sebastião, no Goiabeiras, foi evacuada por determinação do órgão em novembro de 2018, quando engenheiros constataram risco de deslizamento, causado pela construção de um prédio na Avenida 8 de Abril.

Na manhã desta terça-feira (12) a equipe da Defesa Civil realizou nova vistoria às salas de aula, igreja e quadra, constatando que cerca de 90% da estrutura está comprometida. Assim, segundo o capitão Joalino Domingos Ferreira, a adoção de medidas preventivas já não seriam suficientes.

“Quando tivemos conhecimento da situação, no ano passado, determinamos a interrupção imediata das atividades da instituição e, inclusive, auxiliamos na retirada dos móveis, levados para outro endereço. Se houvessem crianças ou funcionários no local, na hora do deslizamento, poderia ter acontecido algo pior”, diz.

Veja Também:  Três projetos que beneficiam idosos recebem parecer favorável de comissão permanente

Além da unidade, duas residências vizinhas também foram vistoriadas hoje. Contudo, apenas uma das casas foi afetada pelo acidente. “O imóvel fica a cerca de cinco metros da obra e apresenta rachaduras visíveis nas paredes e no chão. Solicitamos então que os moradores deixem o local ainda hoje”, explicou.

Ele afirma ainda que, embora na segunda propriedade avaliada não tenha sido detectado risco, o proprietário foi orientado a manter contato com os profissionais da construtora. “Pedimos que a família comunique qualquer alteração a nós e ao engenheiro da construtora, que está sempre no local”, afirmou o capitão Joalino Ferreira.

O engenheiro da Defesa Civil, José Pedro Zanetti explica que o edifício é erguido em um terreno bastante inclinado e que, por este motivo, a construtora responsável realizou uma série de cortes na terra e levantou estruturas de contenção, para garantir o nivelamento da terra.

O trabalho de monitoramento na região se estenderá pelas próximas semanas e um laudo oficial deve ser emitido na quarta-feira (11). Com relação a realocação da família prejudicada e das atividades da instituição filantrópica, a Defesa Civil informa que os trâmites são feitos diretamente entre os responsáveis e a construtora.

Veja Também:  Mais de mil pessoas serão capacitadas na 2ª Etapa do Qualifica Cuiabá 300 que começa na segunda-feira (23)

Diante de situações do tipo, os cidadãos podem entrar em contato com a Defesa Civil, por meio do telefone (65) 3623-9633.

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook
publicidade

Cuiabá

Atendimentos em cartórios devem ocorrer no prazo de 30 minutos

Publicado

Os Serviços Notariais e de Registro existentes no município de Cuiabá são obrigados a iniciar o atendimento de cada usuário dentro de, no máximo, 30 minutos. A medida é reflexo de uma lei, de autoria de vereador Diego Guimarães (PP), que está em vigor desde dezembro de 2017.
O prazo compreende o lapso temporal transcorrido entre o instante em que o usuário ingressa na fila ou retira sua senha de atendimento e o momento em que é efetivamente chamado para ser atendido.
Conforme a norma, são considerados Serviços Notariais e de Registro todos aqueles de organização técnica e administrativa destinados a garantir a publicidade, autenticidade, segurança e eficácia dos atos jurídicos.
“Os Serviços Notariais e de Registro realizarão obrigatoriamente o controle da ordem de atendimento e, sempre que solicitado pelo usuário, fornecerão em meio impresso, de modo legível, as informações referentes ao horário de retirada da senha ou de ingresso na fila, bem como ao horário em que efetivamente ocorreu a chamada para atendimento”, determina a lei.
O descumprimento do disposto nesta Lei sujeitará o Serviço Notarial e de Registro à multa no valor de R$ 1.000,00 a R$ 10.000,00, que será imposta de maneira proporcional às circunstâncias da infração e eventual reincidência, mediante processo administrativo instaurado pela autoridade fiscalizadora em que seja assegurado o contraditório e a ampla defesa.

Kamila Arruda | Câmara Municipal de Cuiabá

Veja Também:  Mais de mil pessoas serão capacitadas na 2ª Etapa do Qualifica Cuiabá 300 que começa na segunda-feira (23)

Imprimir Voltar Compartilhar:  

</div

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Moradores do bairro Jardim Aroeira discutem asfaltamento nesta terça (24)

Publicado

A Câmara Municipal de Cuiabá realiza nesta terça-feira (24) uma audiência pública para discutir a pavimentação asfáltica do bairro Jardim Aroeira. A solenidade será realizada a partir das 19 horas na Escola Estadual Diva Hugueney de Siqueira Bastos, localizada na Avenida Senador Jonas Pinheiro nº 687.
A medida é reflexo de uma solicitação dos moradores da região, que há muitos anos vem sofrendo com a falta de pavimentação asfáltica.
“Debater esse assunto é de suma importância para a comunidade, pois o asfalto resultará em melhor trafegabilidade de veículos e pedestres, facilitando assim o acesso do transporte coletivo, coleta de lixo e desenvolvimento do comércio local, ampliando significativamente a boa qualidade de vida das pessoas”, pontuou o vereador Misael Galvão (PSB), autor do requerimento que deu origem à audiência pública.
Além disso, o parlamentar ressalta que a pavimentação asfáltica e a drenagem de águas pluviais levarão benefícios à população. “ Isto, principalmente no tempo da seca, com a diminuição da poeira, que causa transtornos respiratórios, bem como no período chuvoso, com a diminuição dos alagamentos, barro e poças de água parada”.

Kamila Arruda | Câmara Municipal de Cuiabá

Veja Também:  Mais de mil pessoas serão capacitadas na 2ª Etapa do Qualifica Cuiabá 300 que começa na segunda-feira (23)

Imprimir Voltar Compartilhar:  

</div

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Prefeitura divulga a lista dos classificados para o Curso Preparatório Comunitário

Publicado

Gustavo Duarte

A Prefeitura de Cuiabá finalizou nessa sexta-feira (20) a relação dos classificados para a segunda edição do Curso Preparatório Comunitário (CPC). A lista conta com 1.554 nomes, que irão participar do intensivão em sete polos distribuídos pelas diferentes regiões da cidade. As aulas inician já nesta segunda-feira (23). 

Nos polos para o qual se inscreveram, os aprovados deverão comparecer com uma fotocópia do seu RG, CPF e comprovante de residência, a fim de efetivar a matrícula. Em caso de aluno menor de 18 anos, a matrícula deve ser feita com o acompanhamento de um responsável. Aqueles que no dia estabelecido, não comparecerem para realização do processo perderão o direito à vaga.

O CPC foi Idealizado com o objetivo de preparar alunos com baixa renda familiar para as provas de vestibulares e também para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). “O curso pode ser feito por estudantes que já concluíram ou ainda concluirão, até dezembro de 2019, o 3º ano do ensino médio da rede pública ou privada. No segundo caso, é necessário que o aluno seja bolsista e comprove tal condição”, explica o coordenador-geral do CPC, professor Claudio Taques, o Pardal.

Veja Também:  Três projetos que beneficiam idosos recebem parecer favorável de comissão permanente

Conforme o planejamento da Secretaria de Inovação e Comunicação, pasta responsável pela coordenação do CPC, as aulas serão ministradas na Escola Estadual Presidente Médici (vespertino/noturno), na Unic — Beira Rio (vespertino), Unic — Barão (vespertino/noturno), Escola Estadual Dione Augusta Silva Souza (vespertino/noturno), Escola Estadual Dr. Estevão Alves Corrêa (vespertino), Espaço Cultural Silva Freire (noturno), e no bairro Bela Vista (noturno).

Confiara abaixo as listas dos aprovados em cada polo 

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana