conecte-se conosco


Nova Xavantina

Empresária do ramo de bronzeamento é condenada a pagamento de Danos Morais a servidora de Nova Xavantina

Publicado

O Juiz de Direito Dr. Ítalo Osvaldo Alves da Silva homologou a sentença condenatória de indenização de dano Moral no valor de R$ 3.000,00 em desfavor da usuária do SUS a senhora V. P. R, em razão do sofrimento íntimo suportado pela servidora pública municipal de Nova Xavantina/MT. A sentença que não cabe mais recurso, segundo o juiz a indenização deve ter cunho pedagógico, ao exortar a usuária do SUS a pensar duas vezes antes de publicar comentário ofensivo a reputação profissional de uma pessoa, porquanto terá o condão de representar um consolo ao constrangimento moral sofrido pela servidora municipal, ferida em sua dignidade.

Entenda o caso:

Na data de 05 de maio de 2017, fora chamada às pressas a Servidora Municipal Técnica de Enfermagem para cobrir ausência de uma colega de trabalho no Posto de Saúde localizado no centro do Município, eis que, mesmo estando de folga, se prontificou em suprir tal lacuna no quadro profissional. As atividades desenvolvidas no Posto de Saúde ocorriam dentro do previsto, quais eram, prontos atendimentos, aplicações de vacinas e etc. Eis que, surge a empresária, acompanhando seu filho para uma aplicação rotineira de vacina DTP.

Veja Também:  Polícia Civil prende autor de furto e recupera objetos em Nova Xavantina

A servidora municipal, como de praxe, seguiu os procedimentos padrões para aplicação do medicamento, e alertou sobre as possíveis reações que tal aplicação poderia causar, visto que, é de alto índice de evento adversos. A aplicação fora autorizada e feita, assim sendo, a empresária e seu filho foram embora do Posto de Saúde, como esperado.

Para espanto da servidora, após expediente, ao entrar na rede social FACEBOOK, percebeu que estava sendo impiedosamente difamada pela empresária sem justo motivo, indagando sua capacidade profissional, expondo seu nome perante todos, e acusando -a como a responsável pela inflamação que ocorrera no local da aplicação da vacina em seu filho.

Processo: 8010176-87.2017.8.11.0012

NX1

Comentários Facebook
publicidade

Nova Xavantina

Criança de Nova Xavantina, de 3 anos de idade, morre com dengue hemorrágica

Publicado

Pedrinho,  filho de Marcelo Henrique e Nayane Cristina, de Nova Xavantina, morreu  no início da tarde desta segunda-feira, em Goiânia, vítima de dengue hemorrágica.

A família informou que Pedrinho foi transferido para Goiânia, e, por volta das 14 horas e 30 minutos a criança teve uma parada cardíaca e não resistiu.

Marcelo é policial militar e está morando na cidade de Canarana.

O corpo de Pedrinho será velado na Casa Mortuária em Nova Xavantina.

Que Deus conforte os familiares e amigos. O Roncador

Comentários Facebook
Veja Também:  Projeto de Extensão do Câmpus da UNEMAT de Nova Xavantina leva informações para os estudantes do ensino médio
Continue lendo

Nova Xavantina

Projeto de Extensão do Câmpus da UNEMAT de Nova Xavantina leva informações para os estudantes do ensino médio

Publicado

O Câmpus da UNEMAT – Universidade do Estado de Mato Grosso – de Nova Xavantina vêm realizando uma série de palestras, no âmbito do Projeto “UNEMAT na Estrada: o caminho para o seu melhor futuro”, para os estudantes do ensino médio das escolas de Nova Xavantina e do Vale do Araguaia, com o objetivo de informá-los das oportunidades que a UNEMAT oferece para toda a Região.


As palestras abordam principalmente os números da Universidade, bem como proporciona uma aproximação dos estudantes com as áreas de atuação dos profissionais formados nos cursos de Ciências Biológicas, Turismo, Agronomia e Engenharia Civil, ofertados no Câmpus de Nova Xavantina.

A equipe do Projeto é formada por professores, técnicos e acadêmicos que tem se revezado na realização das palestras. No primeiro ciclo foram realizadas 9 palestras para mais de 800 estudantes em 4 escolas estaduais, sendo duas em Nova Xavantina, uma em Água Boa, e uma em Novo São Joaquim. O projeto terá duração de dois anos e pretende, também, coletar informações junto aos estudantes. Para isso, uma pesquisa buscará identificar quais os cursos superiores que os estudantes desejam e quais, entre os que são ofertados no Câmpus de Nova Xavantina, são mais desejados pelo público-alvo do Projeto.

Nesse semestre as palestras foram realizadas entre os dias 30/04 e 10/05 e contaram com a participação dos professores Ary Gertes Carneiro Júnior, Rodrigo Tarsitano, José Marcos Faccin, Paloma Turchen, Renata Rossi, Érica Caetano e dos acadêmicos Cynthia Rodrigues e Roberto Vieira, dos cursos de Engenharia Civil e Turismo, respectivamente. Além da contribuição de muitos outros colaboradores, tanto da UNEMAT quanto da comunidade local.

Veja Também:  Projeto de Extensão do Câmpus da UNEMAT de Nova Xavantina leva informações para os estudantes do ensino médio

Para ampliar o alcance da proposta os veículos de comunicação locais e regionais devem ser convidados para serem parceiros dessas ações de caráter educacional e afinadas com o discurso da inclusão. Nessa primeira etapa os membros do Projeto concederam entrevistas nas Rádio Roncador Fm 104,9, Rádio Rezende Fm 90,7 e na Tv Cidade, SBT, Canal 9, todas em Nova Xavantina. Além da Rádio Atividade Fm 87,9 em Campinápolis, e a Rádio Comunitária Rio Manso 87,9 em Novo São Joaquim. Com isso, a mensagem do projeto “UNEMAT na Estrada” atinge um número muito maior de pessoas e dos mais variados perfis. O que pode contribuir para que a UNEMAT figure no imaginário coletivo como a melhor alternativa de ensino superior do Vale do Araguaia e de todo o Estado de Mato Grosso.

Para o coordenador do Projeto, professor Rubens José Bedin, “esse projeto é uma resposta à sociedade que muitas vezes não tem acesso à informação, desconhecendo até mesmo que a UNEMAT é uma instituição pública, gratuita e de qualidade e que oferta ensino superior no Estado de Mato Grosso a mais de 40 anos.” De acordo com o professor, em palestras feitas na região do Araguaia, uma pergunta recorrente entre os estudantes do ensino médio é “- Quanto custa para estudar na UNEMAT?”. Para ele, o Projeto pode diminuir a distância entre a sociedade que demanda o ensino superior e a universidade. Com isso, sanando dúvidas e, principalmente, estimulando os jovens a quererem cursar o ensino superior.

O Diretor Politico, Pedagógico e Financeiro do Câmpus de Nova Xavantina, professor Cesar Crispim Vilar, que é membro do Projeto, empenhou esforços para a viabilização dessas atividades que ele acredita serem importantes para a UNEMAT e para a região. “A Unemat é um patrimônio do povo mato-grossense e esse Projeto vai colocar a Universidade em evidência com destaque para as transformações que a UNEMAT tem provocado no Estado e na vida das pessoas”, frisou Cesar.

Veja Também:  Criança de Nova Xavantina, de 3 anos de idade, morre com dengue hemorrágica

Os dados obtidos durante a realização do projeto deverão ser divulgados por meio de artigos científicos, monografias, resumos e reportagens jornalísticas a fim de compartilhar com a sociedade o diagnóstico da demanda por ensino superior no Vale do Araguaia. Mais uma vez a UNEMAT cumpre com sua responsabilidade social, ampliando o acesso à informação e estendendo conhecimento para toda a população.

Divulgar a UNEMAT na Região é um trabalho que vem sendo feito há vários anos pela comunidade acadêmica de Nova Xavantina. Em 2012, foram duas equipes que se dividiram para atender mais de 15 municípios em uma semana de viagens, realizando palestras para os estudantes de toda a Região.

Em 2013, outra equipe chegou a rodar mais de 2.000 mil quilômetros, cobrindo 11 cidades e falando com mais de 1.800 alunos, além das entrevistas em rádios locais.

Já em 2014 foram realizadas 30 palestras, numa viagem que percorreu 9 municípios e contou com uma equipe de três professores que voluntariamente dedicaram uma semana inteira para estender as oportunidades e as possibilidades que a universidade pode promover na vida das pessoas.

Mais informações sobre o projeto podem ser obtidas através do emailrubens.bedin@unemat.br ou pelos telefones (66) 3438-1224 ou 3438-2240

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Morre Vagner Bernardes – UM GRANDE HOMEM

Publicado

O servidor do INDEA Vagner Bernardes do Nascimento, que ocupava o cargo de agente fiscal na unidade de Nova Xavantina, morreu no início desta madrugada, na cidade de Barretos, onde se encontrava lutando contra um câncer nos pulmões.

Vagner nasceu na cidade de Montes Claros de Goiás mas foi criado em Nova Xavantina. Era filho do ex vereador Adiel Ribeiro e da ex vereadora Maria de Lurdes, mais conhecida como Lurdes do Adiel, foi genro do empresário Lédio Diniz e era casado com a servidora pública municipal Carla Beatriz. O pai de Vagner, o ex vereador Adiel Ribeiro, também foi vítima do câncer.

O corpo está sendo transladado para Nova Xavantina, onde será velado e sepultado. 

Familiares postaram mensagens sobre a morte de Vagner. A esposa Carla Beatriz enalteceu a força que o marido tinha, mesmo nos momentos de dificuldades.

A irmãs, Zilma e Juliana também postaram mensagens no Facebook.

No dia 12 deste mês, a filha de Vagner, Fernanda Diniz postou em sua página no Facebook uma mensagem para o seu pai.

Vagner era uma pessoa diferenciada e levava uma vida com honestidade, se dedicando com exclusividade a sua família. Homem temente a Deus, era membro da Igreja Presbiteriana do Brasil em Nova Xavantina e conseguiu em sua trajetória fazer um amontado de amigos, pelos quais era admirado e respeitado.

Veja Também:  Morre Vagner Bernardes - UM GRANDE HOMEM

“Que Deus conforte os corações dos familiares e amigos, dando forças para superar a falta de um grande homem. Que Deus o receba, grande Vagner”. O Roncador.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana