conecte-se conosco


Nova Xavantina

Polícia Civil apreende adolescente e fecha ponto de venda de entorpecente

Publicado

A Polícia Judiciária Civil de Nova Xavantina fechou um ponto de venda de entorpecentes, conhecido por “Boca de Fumo”, sendo localizada uma quantia considerável de droga na tarde da última  quarta feira (16).

Após receberem várias denúncias anônimas dando conta de que uma residência situada no Bairro Henry 2 estaria servindo como ponto de venda de entorpecente, onde alguns adolescentes estariam comercializando drogas naquele local, os Investigadores passaram a monitorar a casa, conseguindo apreender o adolescente M.F.A.S (17), sendo que em buscas pelo imóvel, localizaram 4 porções de substância esverdeada análoga a maconha, algumas porções de pasta base de cocaína, além de um pó branco idêntico a cocaína, totalizando aproximadamente 170 gramas de entorpecente.

 O Adolescente apesar de pouca idade, já coleciona várias passagens por atos infracionais análogo a roubo, tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, ameaça e lesão corporal.

 O Delegado de Polícia Dr Raphael Diniz Garcia ratificou a apreensão em flagrante do menor em questão, sendo Autuado pelo Ato Infracional correspondente ao Tráfico de Drogas e Associação para o Tráfico, o qual após os tramites legais foi colocado a disposição da justiça local

Veja Também:  NOTA DE FALECIMENTO

Comentários Facebook
publicidade

Nova Xavantina

Rio das Mortes: Águas da Vida – um projeto interdisciplinar realizado por professoras de Nova Xavantina-MT

Publicado

As professoras Gabriela Almeida Silva, Kelli Carvalho Melo e Luana Nobre Aquino de Lavor, das disciplinas de Biologia, Geografia e Português, respectivamente, estão desenvolvendo um projeto interdisciplinar com os alunos de duas turmas do primeiro ano da escola estadual Ministro João Alberto em Nova Xavantina.

O projeto busca proporcionar diferentes vivências para que o aluno tenha condições de exercitar o pensamento crítico; ampliar as habilidades investigativas e argumentativas; aprofundar as reflexões a respeito do impacto das ações humanas no meio ambiente.

O projeto foi desenvolvido em diferentes etapas, de forma a relacionar as três disciplinas. Para a contextualização e problematização inicial do tema a ser estudado, foram analisadas quais ações antrópicas impactam o Rio das Mortes, a partir do conhecimento prévio dos estudantes.

Para responder a esses questionamentos, foram realizadas aulas de campo nas margens do rio, na estação de tratamento de água e esgoto do município e em propriedades rurais que realizam ações de proteção das áreas de nascentes e córregos.

Segundo a professora Gabriela, o desenvolvimento da autonomia pela busca do conhecimento deve ser uma meta de longo prazo e trabalhada pelo conjunto de profissionais do ambiente escolar. “Se mais professores desenvolvessem projetos capazes de estimular o protagonismo do estudante, bem como a capacidade de apreender através da contextualização e da interdisciplinaridade, provavelmente os resultados de ensino-aprendizagem seriam muito mais satisfatórios”, finalizou.

Veja Também:  Polícia Civil cumpre prisão de três envolvidos em furto de veículos de concessionária em Várzea Grande

Integração entre projetos

Uma das visitas realizadas pelos alunos foi na micro bacia do córrego Murtinho, para conhecer um pouco sobre o programa de recuperação ambiental “Viva o Murtinho” realizado por parcerias com diferentes instituições em Nova Xavantina-MT.

Projeto Viva o Murtinho

O Programa de Recuperação Ambiental, intitulado “ Viva o Murtinho”, realizado pela Associação do “Projeto Rio Limpo, Rio lindo” é uma parceria de diversas instituições, que nos últimos meses vem fazendo um diagnóstico sociambiental para ajudar na recuperação de preservação permanente de propriedades rurais da micro bacia do córrego Murtinho.

Parcerias

  1. Ministério Público do Estado de Mato Grosso – MPE/MT;
  2. Secretária Municipal de Turismo , Meio Ambiente e Agricultura Familiar;
  3. Instituto Socioambiental-ISA;
  4. Rede de Sementes do Xingu;
  5. Universidade do Estado de Mato Grosso- UNEMAT;
  6. Câmara Municipal de Vereadores (articulação Vereador Valteri Araújo da Silva);
  7. Projeflora- Plantio e Mudas Florestais Ltda.

Ações realizadas pelo projeto

Foram realizadas visitas as propriedades rurais que tinham dentro de sua extensão parte da microbacia do córrego do Murtinho. Durante as visitas era feito um diagnóstico sobre como estava o estado de preservação das Áreas de Preservação Permanente (APP’s) em torno de corpos hídricos  (córregos, nascentes, lagoas e rios), bem como das condições de vida da comunidade. Também foi explicado ao proprietários o que era uma APP’s, e quais medidas de preservação são necessária por lei para sua conservação.

Veja Também:  Vanusa Pazetto articula DEM para lançar pré-candidatura a prefeita de Nova Xavantina

As APPs são as matas na beira dos corpos hídricos protegidos por lei. Sendo a recuperação e retorno das condições da mata mediante ações de proteção, condução, regeneração, plantio e monitoramento.

Caso fosse encontrado alguma irregularidade o proprietário era notificado, e tinha um prazo para se adequar. Alguns exemplos de notificações feitas durante as vistorias foram:

  1. Isolamento das áreas de Preservação Permanente-APP- cerca (prazo: 6 meses);
  2. Delimitação do bebedouro (prazo: 6 meses);
  3. Retirada de chiqueiros, currais e galinheiros da beira do córrego (prazo: 10 meses);
  4. Fazer o CAR- Cadastro Ambiental Rural (prazo: 6 meses);
  5. Implantação de novos piquetes e bebedouros definitivos (prazo:10 meses)
  6. Preparação das áreas para plantio nas APPs (Prazo: 10 meses)
  7. Plantio de mudas e semeadura direta (prazo: 10 meses);
  8. Cuidados e manutenção: roçada, coroamento, aceiros e replantio (prazo: 1 ano);
  9. Monitoramento das áreas de plantio e emissão dos certificados (prazo: 2 anos).

Resultados

O Projeto ainda se encontra em andamento. Entretanto até agora, graças a essa iniciativa várias áreas de APP’s dentro da micro bacia do córrego Murtinho foram reflorestada.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Polícia Civil e Polícia Militar desarticula ação de facção criminosa em Nova Xavantina-MT

Publicado

Uma mega operação das Polícias Civil e Militar de NX, com apoio do Comando Tático Regional da PM de Água Boa, deflagrada nas primeiras horas da manha desta quarta feira, 13, resultou na prisão de cerca de 15 pessoas suspeitas, entre maiores e menores,  na apreensão de drogas, diversos produtos que provavelmente são oriundos de furtos, um revólver calibre 38 com munição, e a recuperação de uma motocicleta roubada e apreensão de um veículo Monza utilizados pelos suspeitos.

Segundo o delegado Dr. Raphael Diniz Garcia, os membros eram todos pertencentes a uma facção criminosa que opera na região. “Agora Nova Xavantina vai ter sossego até pelo menos o carnaval” disse o delegado, que participou da operação junto com o Comandante Couto, chefe da Polícia Militar de Nova Xavantina.

Foram confeccionados os respectivos B.Os e lavrados três flagrantes, dos seis mandatos de busca e apreensão executados nesta manhã. Maiores detalhes da operação serão fornecidos pela Polícia tão logo o expediente burocrático da ação seja concluído. Todos os detidos estão na Delegacia de Polícia Civil de Nova Xavantina aguardando a conclusão dos inquéritos.

Veja Também:  Polícia Civil cumpre prisão de três envolvidos em furto de veículos de concessionária em Várzea Grande

Fonte: SintoniaNews

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Veículo roubado em Nova Xavantina é localizado em Campinápolis pela Polícia Militar

Publicado

Caminhonete Triton (cor preta) furtada nessa madrugada (terça-feira, 12 de novembro de 2019) em Nova Xavantina-MT, foi localizada pela Polícia Militar no município de Campinápolis-MT, de acordo com informações compartilhadas pelo Sargento Triches em redes sociais.

Comentários Facebook
Veja Também:  Polícia Civil identifica e prende autor de homicídio em Sorriso
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana