conecte-se conosco


Cuiabá

População conta com canais de comunicação para solicitação de serviços

Publicado

Davi Valle

A Prefeitura de Cuiabá disponibiliza canais de comunicação para que a população possa solicitar demandas, tirar dúvidas ou fazer sugestões em relação aos serviços prestados nas áreas de infraestrutura e zeladoria. Os trabalhos são executados, diariamente, pelas secretarias municipais de Obras Públicas e Serviços Urbanos ao longo de toda a cidade.

Para facilitar a chegada dos trabalhos necessários às centenas de comunidades, as Secretarias dispõem de diferentes números telefônicos, que funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. A medida, além de otimizar o trabalho, visa inserir o cidadão dentro do processo administrativo da Prefeitura.  

Por meio desse procedimento, os pedidos são colhidos e inseridos no cronograma de trabalho, que conta ainda com as solicitações coletadas junto aos presidentes das Associações de Moradores e as indicações dos parlamentares do Legislativo municipal.

O que faz cada Secretaria?

Para que a identificação, bem como o atendimento da demanda, seja o mais ágil possível é preciso que cada um dos serviços desejados seja solicitado do departamento correto. Apesar de coordenaram atividades que, em sua maioria, se completam, as Secretarias possuem atribuições diferentes, conforme regulamentado pela Lei Complementar nº 359/2014, que estabelece a estrutura básica da Administração Pública Municipal de Cuiabá.

Veja Também:  Câmara busca solucionar impasse entre músicos e Executivo Municipal

De acordo com a legislação, cabe à Secretaria de Obras Públicas planejar, executar, fiscalizar e acompanhar a realização de obras e manutenção dos prédios, vias e logradouros públicos. Dessa forma, a população pode demandar à Pasta serviços de recuperação de vias, como tapa-buraco e patrolamento, limpeza de bocas de lobo e manutenção em pontes.

Já para a Serviços Urbanos, a Lei determina a prestação dos serviços relativos à limpeza, coleta, destinação e tratamento dos resíduos sólidos urbanos, conservação e iluminação dos espaços, logradouros e vias públicas, além dos cemitérios públicos municipais. Também é realizado pelo órgão a atividade de poda de árvores em áreas públicas e emplacamento de ruas e certificação de numeração predial.

Saiba onde ligar

Para solicitar serviços relacionados à infraestrutura em Cuiabá, a Secretaria Municipal de Obras Públicas dispõe dos seguintes telefones:

Limpeza de bocas de lobo: (65) 3313-3050

Tapa-buraco, patrolamento e manutenção de pontes: (65) 3313-3051

Para agendar o recebimento de ações de zeladoria, a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos possui os seguintes canais telefônicos:

Coleta de resíduos domiciliar: 0800 002 0202

Veja Também:  Prefeito lamenta falecimento de pai do presidente da Assembleia Legislativa

Limpeza de espaços públicos: (65) 3645-5500

Iluminação Pública: (65) 3645-5522/5511 ou WhatsApp 9 9318-8761

Cata-treco: (65) 3645-5518 ou WhatsApp 9 9243-6502

Poda de árvores: (65) 3645-5500 e (65) 9 9299-6710

Emplacamento de ruas: (65) 3645-5504

 

 

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook
publicidade

Cuiabá

Lei garante isenção de taxas de concursos para mães de crianças com microcefalia em Cuiabá

Publicado

As mães de filhos com microcefalia poderão ser isentas das taxas de concursos no município de Cuiabá. Essa é a proposta da Lei 6459/19 do vereador, Lilo Pinheiro (PDT) que foi apresentada na Câmara Municipal de Cuiabá e aprovada pelos parlamentares e sancionada pelo município.
Para ter direito ao benefício, a mãe precisa apresentar no ato da inscrição laudo médico comprovando a incidência da microcefalia do filho e sua certidão de nascimento. A iniciativa prevê também a obrigatoriedade de os órgãos públicos incluírem a isenção garantida pela lei nos editais de concursos públicos.
O vereador disse que essa é mais uma ação de seu mandato para garantir o apoio necessário aos portadores de microcefalia e seus familiares. Ele lembrou que a iniciativa visa garantir às mães dessas crianças o ingresso no serviço público de forma estável e seguro.
“O que queremos é garantir um futuro melhor a essas mães, que muitas vezes deixam de pagar a inscrição de um concurso, por não ter condições financeiras”, declarou Pinheiro.
Marcella Magalhães – Câmara Municipal de Cuiabá

Comentários Facebook
Veja Também:  Semob inicia vistoria a veículos que atuam no transporte individual privado
Continue lendo

Cuiabá

Chico acredita que mais de R$ 300 mi em impostos foram sonegados da Capital nos últimos 5 anos

Publicado

O vereador Chico 2000 (PR) acredita que mais de R$ 300 milhões em Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) foram sonegados na Capital por meio de operações financeiras que utilizam máquinas de cartões.
O fato é alvo de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que tramita na Câmara Municipal de Cuiabá desde o final do ano passado. O objetivo é apurar a suposta sonegação do imposto nas operações financeiras com cartões de “débito” e de “crédito”, além do leasing (arrendamento mercantil).
Conforme o parlamentar, o imposto cobrado pelo município em cima dessas transações financeiras é remetido a um “paraíso fiscal” no Estado de São Paulo, não sendo recolhido para os cofres da Capital.
“Essa CPI versa sobre dois pontos: leasing e cartões de crédito e débito. A moeda de maior circulação no país são os cartões. A operadora da maquininha cobra um serviço do empresário, e sobre esse serviço existe o ISSQN que deveria ser recolhido no município de Cuiabá. Esse ISSQN não é recolhido para Cuiabá, é recolhido para o município do interior de São Paulo, conhecido como paraíso fiscal no Brasil”, revelou Chico 2000.
Com o recesso parlamentar, os trabalhos da CPI estão paralisados, devendo ser retomados a partir do próximo dia 4, quando o Legislativo Cuiabano retoma as suas atividades parlamentares normais.
A fim de garantir agilidade na investigação, Chico afirma que está buscando parceria com uma empresa contábil para a realização de um “levantamento financeiro” de informações que irão auxiliar nos trabalhos dos vereadores.
Isto porque, uma série de documentos serão solicitados da Receita Federal, Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Delegacia Fazendária (Defaz) e também do Executivo Municipal.
“Precisamos de uma equipe técnica qualificada e experiente para analisar todos os dados e informações que iremos receber dessas instituições”, pontuou o vereador.
Após a busca por documentos, Chico afirma que a CPI irá entrar na fase de oitivas. De acordo com ele os proprietários de máquinas de cartões de débito e de crédito serão convocados para depor na Câmara, além dos dirigentes das instituições financeiras.
“Todos os proprietários de máquinas de cartões de débito e crédito serão convocados e todos os dirigentes de instituições financeiras. Não temos data prevista ainda porque nós encaminhamos uma solicitação à mesa diretora. Solicitação essa que está com o presidente quanto a contratação de uma empresa que nos dê suporte técnico para a realização desse levantamento financeiro”, contou o vereador.
Além do vereador Chico 2000, que é presidente da CPI, os vereadores Luís Claudio (PP) e Renivaldo Nascimento (PSDB), também fazem parte da comissão como relator e membro titular, respectivamente.
Kamila Arruda | Câmara Municipal de Cuiabá

Comentários Facebook
Veja Também:  Secretaria informa que não há vagas para novos alunos na EMEB Profª Maria Dimpina Lobo Duarte
Continue lendo

Cuiabá

Câmara de Cuiabá aprova reestruturação do Conselho do Idoso

Publicado

A Câmara de Cuiabá revogou a Lei 3162/16 promovendo a reestruturação do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa – COMDIPI, que é um órgão de controle social, de caráter permanente, paritário, deliberativo, formulador e controlador das políticas públicas, desenvolvendo ações voltadas à promoção dos direitos da pessoa idosa na capital.
O Conselho foi criado em 1993 e para manter seu bom funcionamento, os vereadores da capital falou durante a sessão extraordinária (final de dezembro 2019), sobre a sua importância e principalmente sobre as condições necessárias para que o COMDIPI realize seu trabalho de controle e fiscalização.
“Com essa implantação é importante que a Câmara faça suas fiscalizações em termo de controle-interno, externo e social e que saia e investigue se realmente vão ter estrutura para trabalhar, seja física como também em assessoria, para que os membros realmente consigam fazer as fiscalizações e propor ações”, relatou vereador Marcelo Bussiki.
Nesta reestruturação o Conselho vai se reunir mensalmente, em caráter ordinário, e extraordinariamente, por convocação do seu Presidente ou por requerimento da maioria de seus membros, seus atos serão instituídos por meio de resolução com ampla divulgação.
Marcella Magalhães – Câmara Municipal de Cuiabá

Comentários Facebook
Veja Também:  Moradores do bairro Barbado recebem Centro Comunitário reformado
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana