conecte-se conosco


Mulher

Quer emagrecer? Essas 5 mudanças de hábito simples vão te ajudar

Publicado

Não tem jeito: se você planeja emagrecer, vai ter que envolver exercícios e dieta. Infelizmente, não existe receita mágica que faz com que os números na balança simplesmente diminuam sem essa combinação.

Leia também: Saiba o que fazer para emagrecer sem precisar fazer ginástica


Mulher olhando geladeira
shutterstock

Organizar a geladeira, deixando alimentos saudáveis mais visíveis é um tipo de atitude que pode ajudar a emagrecer

Mas, tenha calma!  Emagrecer não precisa ser uma tarefa árdua. Existem algumas mudanças de hábito que podem ajudar a chegar no resultado que você deseja de um jeito mais fácil – e o melhor: não têm nada a ver com se privar de comer ou passar o resto do ano trancada em uma academia.

São pequenas transformações sustentáveis, ​​que melhoram o seu relacionamento com seu corpo e com sua alimentação. Ficou curiosa? Então, aqui estão cinco atitudes fáceis de implementar na sua busca pela perda de peso e que vão ter efeito.

1. Reorganize sua geladeira

via GIPHY

Somos visuais: tudo o que vemos, queremos. Por isso, em vez de manter todas as suas guloseimas nas partes mais fáceis de encontrar da geladeira, coloque-as em um só lugar, na área inferior, e deixe todas as frutas e vegetais coloridos para a frente.

Parece uma mudança boba mas, dessa forma, quando você estiver procurando algo para comer, será bombardeada com opções saudáveis ​antes mesmo de pensar no que você realmente quer.

E a dica não fica restrita apenas à sua geladeira. Armários e gavetas – incluindo aquela do trabalho, onde você guarda todos os tipos de tranqueiras possíveis – também podem ser modificados. Colocar as coisas mais calóricas e menos saudáveis em locais de difícil acesso ou mais escondidos te faz pensar bem antes de recorrer a elas, o que pode te ajudar a reconsiderar se você precisa mesmo daquele alimento.

Veja Também:  5 bons motivos para você incluir as frutas vermelhas na alimentação diária

Leia também: Mulher revela exercício que a ajudou a emagrecer 44 kg em 8 meses

2. Opte por opções vegetarianas ou veganas em restaurantes

via GIPHY

É difícil manter a dieta balanceada quando se tem o hábito de comer fora, verdade. Mas você não precisa desistir de sair para continuar no caminho da perda de peso. Manter a atenção no que você come, seja em casa ou fora dela, é necessário para quem está querendo emagrecer e uma dica é substituir os pratos por suas versões veganas ou vegetarianas.

Isso porque essas opções tendem a ter menos calorias, já que são refeições à base de plantas e fibras de vegetais – o que te ajuda a ficar saciada por mais tempo. Vale lembrar que nem todo prato de origem vegetal segue essa regra. Batata frita e tempurá, por exemplo, são delícias vegetarianas mas isso não significa que são saudáveis.

3. Adicionais fazem diferença (inclusive na balança)

via GIPHY

Se você acha que está fazendo tudo certo e ainda assim não consegue perder peso , talvez seja hora de começar a observar alguns detalhes que podem estar passando batido – e colaborando para que os números na balança não abaixem.

Repare na sua alimentação: sempre que vai tomar café você o mistura com leite? Não vive sem catchup? Mantém uma gaveta de petiscos no trabalho? Se alguma dessas respostas for “sim”, então é hora de rever seus hábitos com mais cautela.

Comece deixando o leite e veja se você realmente gosta do sabor do café. Se não, por que não mudar para outro tipo de bebida quente ou tentar usar leite desnatado ou de amêndoa no café da manhã?

Veja Também:  Esfriou? Esta é a melhor hora para fazer exercícios para emagrecer

Em relação aos molhos, você pode comprar um catchup diet e trocar maionese por um molho mais leve. Além disso, certifique-se de que todos os seus lanches estão escondidos para que você não esteja constantemente cercada por comida.

4. Cerque-se de gorduras saudáveis

via GIPHY

Se sente com fome o tempo todo? Esqueça todos os alimentos cheios de carboidratos e concentre-se nas chamadas “gorduras boas”, que são aquelas insaturadas, provenientes da natureza.

A gordura é um nutriente absolutamente vital, responsável por todos os tipos de funções, desde o equilíbrio hormonal até a manutenção da saciedade por mais tempo. Por isso, adicionar alimentos ricos nesse tipo de gordura pode ser um bom truque.

Peixes oleosos, linhaça, ovo, abacate e nozes são bons para dar aquela sensação de estofamento extra. 

5. Não tenha medo de sentir fome

via GIPHY

Você precisa se alimentar. Um erro comum cometido por quem está tentando diminuir alguns quilos é evitar comer, mesmo quando se está com fome. Negar a comida que realmente se quer só vai fazer com que sua vontade se acumule e quando você ceder, vai comer por impulso e muito mais do que deveria.

Leia também: Corpo em forma: 4 atitudes que vão te ajudar a emagrecer de vez

Não há nada de errado em se permitir ficar com fome, desde que a comida ingerida seja escolhida com atenção. Sem ignorar sua fome, prefira alimentos que irão te saciar mas que tenham baixo teor calórico. Opções como saladas, oleaginosas, cereais integrais e algumas frutas – banana, melão, melancia e kiwi, por exemplo – podem ser aliadas quando se está tentando emagrecer .

Comentários Facebook
publicidade

Mulher

Mãe descobre que o próprio marido causou uma lesão cerebral no filho

Publicado

A inglesa Gemma Smith, de 29 anos, ficou perturbada quando encontrou seu bebê, James – que tinha apenas nove semanas -, quase sem vida no colo dos pais. A situação ficou ainda mais desesperadora quando, ao levá-lo às pressas para o hospital, ouviu os médicos diagnosticarem o pequeno com uma lesão que “não teria sido causada acidentalmente”.

Leia também: Mãe se arrepende do segundo filho e quer colocá-lo para adoção


James com a cabeça inchada, devido à lesão cerebral
Reprodução/Facebook

James ficou com lesões permanentes, após seu próprio pai ter admitido que o agitou

Inconformada e disposta a descobrir como o bebê conseguiu um sangramento cerebral – que deixará danos irreparáveis para sempre no filho – ela conta como fez próprio pai da criança admitir ter causado a lesão. “Eu nunca vou poder perdoar o pai de James pelo que ele fez. Estou feliz que gravei sua confissão e isso ajudou a detê-lo”, conta ela em entrevista ao Daily Mail .

Gemma fala que não desconfiou do ex-marido porque John Woollacott, de 51 anos, era um “bom parceiro” e um “bom pai”. “Em casa, John era um pai amoroso. Ele trabalhava duro como carteiro, mas aprendeu rapidamente como limpar e trocar James”, pontua. 

No dia em que James foi levado ao hospital, ela conta que ouviu a criança chorar e John foi cuidar do bebê, como de costume. No entanto, o choro da criança parecia estranho, diferente do que ela já havia escutado, então ela foi até o marido para ver o que estava acontecendo.

“Quando entrei na sala vi James deitado no joelho de John. Ele parecia sem vida. ‘O que aconteceu?’, perguntei desesperada, pegando James em meus braços”. Segundo ela, o então marido apenas reclamou e disse que essa seria a “última vez que levantava cedo com o bebê”.

Veja Também:  Horóscopo do dia: previsões para 17 de maio de 2019

Ao perceber que o filho não estava bem, Gemma rapidamente chamou uma ambulância e foi levada ao hospital. Lá, James foi submetido a uma série de exames até sair um diagnóstico.
“Um médico nos disse: ‘James tem um sangramento no cérebro. E eu tenho medo que a lesão não tenha sido acidental’. Minha mente cambaleou enquanto ouvia muitos jargões médicos que não entendia, mas a mensagem principal era clara: alguém fez isso com James”, afirma.

Por conta disso, os pais ficaram proibidos de ver o bebê até que uma investigação fosse feita e concluída, para entender o que realmente havia acontecido com o pequeno. A britânica conta que a reação de John foi de lamentar muito e chorar quando soube da notícia.

Na volta para casa, o pai chegou a dizer que “não fazia sentido” e que “nada aconteceu”, segundo ela. Mas, mais tarde, ele chegou a dizer que James poderia ter caído do sofá.

Leia também: Alerta! Bebê de quatro meses morre asfixiado por leite

Confissão do ato contra o próprio filho


Pai com o filho no colo
Unsplash

Depois de ter dito que a lesão foi provocada acidentalmente, o pai confessa, bêbado, que ele teria agitado o bebê

Ao fim daquele mesmo dia John admitiu ter derrubado James no chão, mas disse que foi acidentalmente e estava com muito medo de confessar isso. Compreensiva, Gemma foi com ele até o advogado da família fazer uma declaração de como o pai havia derrubado o filho.

Na cabeça da inglesa, ela esperava que, se os pais fossem honestos, os serviços sociais suspenderiam a proibição de verem o bebê.

Veja Também:  Quero um relacionamento sério, mas ele não me assume! E agora?

Para aliviar o estresse até a decisão sair, John havia ido tomar uma bebida com seus companheiros, apenas para relaxar e descontrair por uma hora. “Mas quando ele voltou tarde, pude ver que ele estava bêbado. E então ele disse: ‘Acho que posso ter machucado James. Não tenho certeza, mas acho que o sacudi’”, lembra.

Ao perceber que seu filho havia sido machucado propositalmente, e não sem querer, como John havia dito antes, ela fala que tentou se acalmar e pegou o celular para tentar gravar a confissão. De maneira cuidadosa, ela colocou o aparelho estrategicamente posicionado e capturou todo o depoimento.

Ele admitiu que havia sacudido James naquela manhã e que devia ter sido ele quem o machucou. Horrorizada, Gemma telefonou para o advogado e providenciou que John fosse à delegacia local para fazer uma nova declaração.

“Quando ele voltou para casa mais tarde naquele dia, suas roupas estavam esperando em sacos fora da casa. Machucar James era horrível o suficiente, mas mentir sobre isso era ainda pior para suportar”, conta.

Depois disso, a mãe conseguiu liberação para ver o filho algumas vezes, mas suas visitas eram sempre supervisionadas. “Foram quatro meses de agonia até James poder voltar aos meus cuidados. Em sua curta vida, ele passou mais tempo longe de mim do que comigo. O dia em que ele finalmente voltou para casa foi o mais feliz da minha vida”, afirma.

Leia também: Bebê de seis meses morre após comer mel

Apesar de poder voltar para casa, o dano causado a James foi irreparável. O cérebro do filho de Gemma foi danificado e agora ele luta para conseguir responder à funções básicas como a fala. “John ficou chocado quando foi levado para a cadeia, mas foi James quem ficou com uma sentença de prisão perpétua”, lamenta a mãe.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Mulher consegue divórcio depois de ameaçar se mudar para casa do ex-marido

Publicado

A história da cabeleireira Cleusa Cruz, de 51 anos, voltou a viralizar na manhã de segunda-feira (20). Isso porque ela finalmente conseguiu oficializar a separação com o ex-marido, Denílson Florenço, em um cartório em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio de Janiero.


Cleusa da Cruz
Reprodução/Facebook

Cleusa da Cruz havia ameaçado se mudar para casa do ex-marido, mas ele assinou o papel do divórcio antes disso acontecer



O desfecho era esperado por milhões de internautas que acompanharam a história do casal que já não estava mais junto há 25 anos, mas ele se recusava a assinar o divórcio .

O caso ganhou destaque depois que ela expôs a situação nas redes sociais e  ameaçou se mudar “de mala e cuia” para a casa do ex, onde ele vive há 24 anos com a atual esposa, se o divórcio não saísse — o que a fez ficar conhecida pelo apelido ” Cleusa de mala e cuia “.

A mudança aconteceria no domingo (19), mas ela explicou em uma transmissão ao vivo pelo Facebook que Denílson prometeu ir ao cartório na segunda para assinar os papéis, já que o órgão não funciona aos finais de semana. Por causa disso, ela desistiu de ir para a casa do ex na data programada. 

Veja Também:  Make de inverno: o poder do batom matte!

O ex-marido chegou uma hora atrasado ao local, mas seguiu com a promessa de oficializar a separação com Cleusa. A cabeleireira fez outra tramissão ao vivo para mostrar o momento:

Leia também: Adele fala sobre término e inspira sobre como superar o fim de uma relação

O caso de “Cleusa de mala e cuia”


publicação de Cleusa no Facebook
Reprodução/Facebook

Em publicação no Facebook, a cabeleireira conta que está separada do ex há 25 anos, mas ele se recusa a assinar divórcio

Cansada de tentar fazer com que a separação legal acontecesse, Cleusa resolveu fazer um apelo na internet e rapidamente ficou conhecida nas redes. Em publicação no Facebook, ela contou que já havia tentado fazer Denílson assinar o documento de separação por três vezes, mas como ele se recusou em todas, precisava “resolver de outro jeito”. 

“Enquanto o divórcio não sair, eu, Cleusa da Cruz Florenço, quando voltar de viagem, me mudarei para sua casa para morar com você”, escreveu ela. O post tem mais 400 mil reações e 420 mil comentários, e diversos eventos foram criados na rede para acompanhar a saga. 

Veja Também:  Esfriou? Esta é a melhor hora para fazer exercícios para emagrecer

“Quer ficar casado? Então vamos  ficar casados . Vou dormir com vocês, comer com vocês e mais: vai pagar minhas contas. Não quer ficar casado? Então, eu não quero marido só no papel”, ameaçou no texto. No fim das contas, parece que esse “jeito de resolver” funcionou, já que o  divórcio  de Cleusa finalmente saiu. 

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Noivado termina após cachorro passar mal em festa de despedida de solteira

Publicado

Uma despedida de solteira acabou com o noivado de um casal que já estava juntos há quatro anos. A festa feita pela ex-noiva e suas amigas perdeu o controle quando ela se esqueceu de colocar o cachorro do – então – companheiro em outro quarto, deixando o animal participar de toda a festa.

Leia também: Lista de regras para despedida de solteira vira piada – tem até visita à igreja


cachorro come chocolate e passa mal em despedida de solteira
shutterstock

O noivado desse casal acabou após a despedida de solteira da mulher que, para o rapaz, foi muito irresponsável


A presença do pet não seria um problema, se não fosse pelo fato de que o cachorro desfrutou de tudo o que tinha direito, incluindo chocolates e bebidas alcoólicas, o que fez com que ele ficasse doente e tivesse que ser levado às pressas ao hospital. Como a mulher estava bêbada demais em sua despedida de solteira , ela não notou os riscos para o animal.

Quando descobriu o que houve, o noivo decidiu romper o relacionamento, alegando que ela foi muito “irresponsável”. O rapaz, que tem 28 anos, explicou a situação por meio de um texto no Reddit e quis saber se ele estava errado em ter tomado essa decisão.

Ele começa dizendo que deixou a casa para a noiva fazer a festa lá, mas pediu para a mulher colocar o cachorro em outro quarto, longe do evento.

Leia também: Após despedida de solteira, noiva cobra despesas das convidadas e gera revolta

“Às 5h da manhã recebo uma ligação avisando que algo estava errado com o cachorro. Ela estava bêbada, então eu disse para pegar um táxi e ir para a clínica veterinária de emergência”, lembra ele.

Veja Também:  Tem um bebê com febre? Saiba quando é preciso levar ao hospital

O homem também relata que a noiva estava em prantos, preocupada com o que havia ocorrido com o animal. “Quando cheguei lá, ela parecia que não tinha parado de chorar por horas e nem conseguia falar direito”.

“Duas de suas amigas estavam lá, e me disseram que meu cachorro estava vivo, mas não estava bem. Eu senti pena dela por 10 minutos enquanto esperava pelo médico”, conta.

“Mas então o médico me disse que o cão ingeriu grandes quantidades de álcool e chocolates . As garotas aparentemente acharam que seria legal deixar tudo espalhado pela casa, em mesas de café pequenas, e deixar o cachorro perambulando em vez de trancá-lo em nosso quarto”, acrescenta ele. Apesar de ingerir alimentos e bebidas que o fizeram passar mal, o cachorro já se recuperou.

O fim do noivado


fim de noivado
shutterstock

O ponto final no noivado ocorreu quando os dois chegaram em casa. O rapaz diz que não consegue nem olhar para a ex


Mesmo assim, ele ficou infignado e decidiu colocar um ponto final no noivado  assim que o casal chegou em casa. No texto, o rapaz relata que foi duramente criticado pela atitude que tomou por amigos e familiares.

“Eles começaram a defender ela, e depois passaram a me insultar”, afirma o jovem, que também disse as pessoas acharam exagero da parte dele acabar com o relacionamento dessa forma.

“Minha mãe disse: ‘Bem, foi um erro, mas ela não fez isso de propósito. Além disso, o cão não morreu!’. Sorte minha, né?”, rebate o homem.

Veja Também:  Cabelo black power: como cortar e cuidar dos fios cacheados e crespos?

“Minha irmã ficou chocada que eu cancelei o casamento por causa disso e até meu padrinho disse que eu poderia ter exagerado”, pontua.

O ex-noivo deixa ainda mais clara a sua chateação ao dizer que nem aguenta mais olhar na cara da mulher, tampouco passar a vida inteira com ela.

Leia também: Casamento é cancelado após flagra de traição na despedida de solteira viralizar

Para completar, ele ainda citou muitos atos “irresponsáveis” por parte da ex-noiva, que teria colaborado para que ele pensasse melhor sobre o noivado. “Ela gosta de mandar mensagens enquanto dirige, sempre deixa coisas no fogão (como panos de prato, tábuas de cozinha, etc.)”, comenta.

“Não é algo que eu tenha contra ela, mas estaria mentindo se dissesse que não estou preocupado que ela acabe se matando ou a outra pessoa – como, por exemplo, meu cachorro”, conta o rapaz.

“Não é sobre o cachorro”


fim de namoro
shutterstock

Ele atualizou o texto e declarou que isso “não é sobre o cachorro”, e sim sobre as atitudes “irresponsáveis” da mulher


Pouco tempo depois a postagem foi atualizada, e o homem falou sobre sua conclusão em relação ao incidente na  despedida de solteira da ex. “Isso não é sobre o cachorro. Ela é negligente e irresponsável e eu não quero ver nosso (possível) filho morrer em um acidente de carro algum dia porque ela estava mandando mensagens de texto ou se esqueceu de colocar o cinto de segurança dele”, destaca.

“Eu prefiro ser um idiota agora do que passar anos da minha vida me preocupando toda vez que nosso filho fica sozinho com ela. Se ela acidentalmente matasse uma pessoa enquanto mandava mensagens de texto e dirigia, eu também a deixaria. Percebi que não quero passar a minha vida com alguém que não tenha tanto desrespeito pela vida humana (ou animal)”, finaliza o homem.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana