conecte-se conosco


Nacional

Tratamento da água com carvão ativado no Rio começa na semana que vem

Publicado

source
Torneira caindo gota de água arrow-options
Agência Brasil/EBC

Equipamento para tratar a água será montado imediatamente

A Companhia Estadual de Águas e Esgotos ( Cedae ) informou nesta segunda-feira (13) que o carvão ativado pulverizado que será aplicado no início do tratamento da água distribuída pelo Reservatório do Guandu a grande parte da população do Rio de Janeiro passará a ser empregado a partir da próxima semana.

Segundo a companhia, o produto e o equipamento para sua aplicação foram comprados na sexta-feira (10). “O carvão chegará até esta quarta-feira (15), e o prazo de entrega do equipamento que fará a aplicação é até este fim de semana”, diz, em nota, a Cedae. De acordo com a companhia, o equipamento será montado imediatamente e passará a ser utilizado no início da próxima semana.

Leia também: Crivella vai proibir desfile de dois megablocos no mesmo dia no Rio

Na quinta-feira (9), a Cedae informou que vai adotar em caráter permanente a aplicação de carvão ativado. A medida será adotada pela companhia de distribuição de água para reter a substância geosmina, que tem causado cheiro forte turbidez na água distribuída. A iniciativa da Cedae veio depois que consumidores de vários bairros da capital e da Baixada Fluminense reclamaram da cor turva e do cheiro forte da água servida à população.

Veja Também:  Jovem morre com tiro na cabeça; namorado diz que foi “roleta-russa”

A empresa voltou a destacar que a geosmina, uma substância orgânica produzida por algas, não apresenta risco à saúde. “A substância não oferece riscos à saúde, mas altera o gosto e o cheiro da água. O fenômeno natural e raro de aumento de algas em mananciais, em função de variações de temperatura, luminosidade e índice pluviométrico, causa o aumento da presença desse composto orgânico, levando a água a apresentar gosto e cheiro de terra.”

Comentários Facebook
publicidade

Nacional

Dinheiro desviado de Angola teria financiado empreendimentos de luxo na Paraíba

Publicado

source

Agência Pública

“Eles não economizaram aqui”, afirma, solícita, uma das vendedoras dos 130 apartamentos do Solar Tambaú, empreendimento imobiliário de luxo à beira-mar em João Pessoa, na Paraíba.

Leia mais: Ação da polícia deixa mais de 400 feridos em protesto no líbano

litoral arrow-options
Reprodução/Instagram/charleshaverrot

Litoral paraibano foi o local escolhido para empreendimentos de luxo

Comentários Facebook
Veja Também:  Família morre em acidente ao voltar de reencontro com parentes após 30 anos
Continue lendo

Nacional

Duas mulheres são detidas com drogas nas partes íntimas em SP

Publicado

source
Drogas apreendidas arrow-options
SAP/Divulgação

Mulheres foram detidas tentando entrar com drogas em penitenciária

Duas mulheres foram detidas neste domingo (19) ao serem flagradas tentando entrar em uma penitenciária de Piracicaba , em São Paulo , com drogas escondidas das partes íntimas . A dupla doi detida após passar pelo scanner corporal, que detectou que elas carregavam os entorpecentes.

Uma das suspeitas, de 21 anos, estava com uma substância aparentando maconha e a outra, de 18 anos, carregava cocaína e maconha, além de anotações no invólucro junto com as drogas.

Leia também: Homem é preso tentando traficar 700g de cocaína em cueca

Segundo informações da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), ao serem questionadas pelos agentes, elas confessaram que estavam tentando entrar na unidade a pedido de dois presos que iriam visitar. Ele seriam o companheiro e o irmão das duas, respectivamente.

A Policia Militar (PM) foi acionada e as visitantes foram encaminhadas para o plantão da Polícia Civil. Elas devem ficar presas e podem responder por tráfico de drogas.

Leia também: Advogada presa teria pedido para ser agredida para obter prisão domiciliar

Veja Também:  Especialistas respondem perguntas de moradores sobre a crise da água no Rio

A Penitenciária também abriu um Procedimento Administrativo Disciplinar para investigar a participação dos detentos na ocorrência.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Mulher morta ao pular de ônibus em assalto mudou de rota para comprar presente

Publicado

source
mulher de óculos de sol e sorrindo arrow-options
Arquivo familiar

Tânia foi obrigada a pular de ônibus em movimento

O corpo da costureira Tânia da Conceição Mota , de 62 anos, morta ao saltar de um ônibus em movimento durante um assalto em Pilares , na Zona Norte do Rio , será enterrado na manhã deste domingo (19), no Cemitério de Inhaúma. O sepultamento está previsto para as 10h, com velório a partir das 7h30. O caso ocorreu no ônibus da linha 298 (Acari — Castelo) na noite da última sexta-feira, por volta das 19h. Segundo a família, um ônibus levará amigos e parentes da vítima até o cemitério.

“Ela era muito amada. Muitas pessoas aqui da comunidade do Jacarezinho, onde a minha tia morava, vão prestar essa última homenagem a ela. Espero que essa situação não fique impune. É mais uma vítima da violência do Rio. Nós vamos trabalhar e não sabemos se voltamos vivos para casa. Essa é a nossa rotina aqui na cidade”, desabafa Diego Ferreira dos Santos, de 34 anos, sobrinho de Tânia.

Veja Também:  MP vai à Justiça para Cedae apresentar laudos de qualidade da água no Rio

Outras quatro pessoas que também pularam do veículo ficaram feridas e foram atendidas no Hospital Salgado Filho, mas, com ferimentos leves, já receberam alta. Os criminosos anunciaram o assalto quando o veículo passava próximo ao Morro do Urubu. Abalados, os familiares de Tânia afirmaram que os assaltantes teriam mandado que alguns passageiros descessem do ônibus, mesmo com ele em movimento.

Leia também: Mulher morre após ser obrigada a pular de ônibus durante assalto no Rio

Ao saltar, a costureira bateu a cabeça no meio fio e teve um traumatismo crâniano fatal. Ela chegou a ser levada para o hospital, mas já chegou morta à unidade. A família esteve no Instituto Médico Legal (IML), no Centro, neste sábado, para liberar o corpo

“Minha mãe era a melhor pessoa da comunidade do Jacarezinho. Até os inimigos ela conseguia ajudar. Se minha mãe tivesse morrido de doença, mas não… Foi de uma forma violenta e isso nada vai apagar”, afirmou a filha Glaucia da Conceição Mota, aos prantos, no IML.

Veja Também:  Jovem atingida por bala perdida no Rio de Janeiro deixa o CTI

Leia também: PM é morto após reagir a assalto dentro de shopping no Rio

Tânia era costureira de um ateliê que presta serviços para a escola de samba Unidos da Tijuca. A idosa tinha dois filhos e três netos e costumava voltar de trem para casa. Porém, quando ia ao Mercadão de Madureira para comprar ervas medicinais para tratar uma artrose no joelho ou presentes para pessoas da sua comunidade, ela acabava pegando um ônibus para voltar do trabalho na Cidade do Samba.

“Tudo para ela era ritmo de festa. Eu tenho certeza que ela tinha ido comprar um presente para um menino que ia fazer aniversário na comunidade”, disse o marido da vítima, Carlos Augusto Teixeira, de 66 anos, casado com ela há mais de 40. “Eu falei com ela pouco antes dela pegar o ônibus. A minha mulher estava muito animada com o fim de semana e ainda pediu para que eu colocasse cervejas para gelar”, disse.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana