conecte-se conosco


Política MT

Deputados visitam Comando Geral do Corpo de Bombeiros de MT

Publicado

Foto: MAURICIO BARBANT / ALMT

Acompanhado dos deputados Dilmar Dal Bosco (DEM) e Wilson Santos (PSDB), o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM) visitou, nesta terça-feira (08), a sede do Comando Geral do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso – CBMMT. O convite para o almoço partiu do comandante geral Alessandro Borges, momento em que oportunizou o diálogo sobre as demandas do setor, bem como a aproximação entre as instituições.

Os deputados conheceram o Memorial Histórico do CBMMT e a Galeria dos Comandantes. Ao agradecer a receptividade, Botelho destacou o exímio trabalho desenvolvido pela corporação e também sobre procedimentos à fiscalização.

Comandante Alessandro Borges também agradeceu a visita. “É uma honra muito grande receber o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Botelho e toda comitiva. A Assembleia representa os mato-grossenses, toda demanda dela é importante à sociedade. O bombeiro trabalha para zelar pela segurança de toda sociedade e recebe muito bem toda essa demanda e vamos estudar para dar feedback importante para todos”, disse o comandante.

Explicou que a fiscalização começa com o trabalho preventivo. “Começa na prancheta quando analisamos o projeto, a construção da edificação e, depois, a sua execução é muito importante porque vai dar segurança à população que vai estar ali habitando ou transitando. Queremos sempre preservar vidas e patrimônios. Agora, demandamos a nossa legislação à Assembleia justamente para atualizar, modernizar e desburocratizar nossa atividade técnica”, esclareceu Borges.   

Além de conhecerem a estrutura, Botelho destacou a visita como oportunidade para debater projetos futuros. “É importante conhecermos os projetos que têm para melhorar ainda mais o atendimento a todo povo de Mato Grosso. Também discutimos algumas reclamações sobre fiscalização e nos disseram que estão analisando, algumas já foram até sanadas. Essa é uma visita de cortesia, para a relação ser mais próxima”, destacou o parlamentar.

O deputado Wilson Santos, que em 1981 deu aula no mesmo prédio, época em que funcionava a Escola Eurico Gaspar Dutra, disse que se emocionou durante a visita. 

“Botelho está de parabéns quando procura essa aproximação com uma instituição querida. Mas sempre tem um prefeito que reclama do excesso de exigências, uma câmara municipal que cobra a liberação de um evento e nem sempre o projeto aprovado coincide com a execução dele. Às vezes é executado com antecedência, cumpre todas as exigências técnicas, mas a empresa que vai implantar a cerca, o tablado, o palco, deixa pra última hora. Isso coloca às vezes em risco a segurança do cidadão. E o Corpo de Bombeiros está muito bem, evoluiu muito nos últimos anos e pra mim foi motivo de emoção porque retorno num ambiente em que comecei a minha vida profissional”, destacou.

Para o deputado Dilmar Dal Bosco, a ALMT tem a preocupação em procedimentos, em leis, que possam garantir a continuidade da corporação, a qualidade no atendimento e bem-estar da sociedade. “Estamos prontos para debater a nova legislação que vai para a Assembleia, que seja menos burocracia, com procedimento simplificado e adequados ao nosso estado”, disse.  

Também participaram os coroneis Bonato; Rainho; Metello; Pereira; Ricardo; TC Lael (1º Comando Regional); TC Queiroz (1º Batalhão BM) e Major Faro (2º BBM).
 

Comentários Facebook
publicidade

Política MT

Deputado quer antecipar formatura de alunos de Medicina da Unemat

Publicado


.

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

O deputado estadual Dr. Gimenez (PV) quer a antecipação da formatura dos alunos do 6º ano do curso de Medicina da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) para atuarem no combate ao novo coronavírus (Covid-19). O pedido já foi protocolado junto ao Governo do Estado buscando celeridade no processo.

O parlamentar explica que a solicitação está amparada na Medida Provisória nº 934/2020 e na Portaria 374/2020, do Ministério da Educação (MEC), que permite que a colação de grau abreviada para os estudantes que estão no último semestre e cumpriram carga horária mínima do estágio regular obrigatório.

Essa portaria também já está regulamentada pelo Conselho Estadual de Educação de Mato Grosso. É importante destacar que essa mesma tendência ocorre em outros estados, como Paraná e São Paulo, onde as formaturas inclusive foram realizadas há cerca de 30 dias.

“Assim, é perfeitamente possível que em Mato Grosso possamos caminhar nesse sentido para dar celeridade ao processo e oferecer a possibilidade a esses futuros médicos de contribuírem com as ações de combate à pandemia, ao meu ver é uma questão importante e prioritária”, avalia o deputado, que é médico.

Ao todo, 31 estudantes da Unemat de Cáceres vieram buscar ajuda do deputado estadual para ter acesso a este benefício, eles querem colar grau ainda nesta semana. Dr. Gimenez já explicou a situação à diretora do campus, Zulema Figueiredo, que me garantiu analisar a questão; e também ao secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), Nilton Borgato.

 

“Estendo meu apoio a outros estudantes de Medicina, porque me sinto muito honrado, como parlamentar e médico, em contribuir com vocês. E ainda parabenizo o empenho desses futuros médicos da Unemat que estão lutando para poder se formar e contribuir com a saúde pública em nosso estado”.

O formando João Paulo Muniz, 26 anos, afirma que os futuros médicos querem muito começar a trabalhar logo e colocar em prática o que aprenderem nos seis anos de faculdade. Ele veio do interior de Goiás, mas faz planos de fixar residência na região oeste. “Estamos nos formando em meio à uma situação difícil como esta, o que intensifica nosso compromisso em querer contribuir com a sociedade”. 

 

 

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Deputado Claudinei celebra a nomeação de 30 delegados para PJC-MT

Publicado


.

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS FARIAS

Desde o início do mandato, o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) buscou fazer as devidas articulações com o governo do estado de Mato Grosso para a nomeação dos aprovados em concursos da área da segurança pública. O parlamentar, nesta sexta-feira (20), comemorou a publicação no Diário Oficial do Estado com o Ato de n.º 6.619/2020, que garante a nomeação de 30 delegados para atender a Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso (PJC-MT).

O concurso público dos aprovados a serem nomeados foi lançado em edital, no dia 16 de março de 2017, para formação de cadastro de reserva no cargo de delegado de polícia substituto da PJC-MT. O resultado final da aprovação foi divulgado, em 8 de novembro de 2018. 

Claudinei diz que a situação destes aprovados é muito próxima da realidade vivida por ele, em que foi aprovado no concurso para assumir o cargo de delegado da PJC-MT, em 1999, mas só foi nomeado em 2002. Também, conta que a seleção para este cargo é muito criteriosa. “Foram sete etapas a serem cumpridas para a aprovação ao cargo de delegado. Eu, que sou natural de Marialva (PR), tinha custos com deslocamento, alimentação e hospedagem, já que não era ainda residente fixo em Mato Grosso”, lembra o parlamentar que atuou na instituição por 18 anos. 

Nomeação

Claudinei que é presidente da Comissão de Segurança Pública e Comunitária da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), promoveu no dia 12 de maio, 1° reunião extraordinária que contou com a participação do delegado-geral da Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso (PJC-MT), Mário Dermeval Aravechia de Resende.

Nesta oportunidade, o parlamentar recebeu a informação de Aravechia que a Secretaria de Estado de Segurança Pública de Mato Grosso (Sesp-MT) havia confirmado a nomeação de delegados aprovados em concurso. “Em relação aos delegados, a maioria está em processo de afastamento, sendo 27 aptos para aposentadoria. Após diversas apresentações feitas pela instituição da polícia civil, acabou o governador se convencendo de que é necessária essa implementação de nossos quadros, porque também temos um cadastro reserva que está valendo”, anunciou o delegado Mário durante a reunião da Comissão.

O quadro funcional da PJC-MT, atualmente, conta com 215 delegados, 678 escrivães e 2.065 investigadores. “Eu reconheço que um delegado titular em uma unidade policial é essencial. Perante as dificuldades financeiras enfrentadas pelas instituições de segurança, o bom gestor sempre busca meios para driblar as dificuldades e, assim, proporcionar o melhor atendimento ao público”, conta o deputado.

Para Claudinei, a segurança pública não pode parar e é de suma importância o aumento de efetivo para atender a população mato-grossense. “Nossa luta ainda continua para a nomeação de aprovados em concurso público ligados à segurança pública. Os aprovados em cargos de agente penitenciário e profissionais de nível superior do sistema penitenciário é uma das reivindicações feitas para Comissão de Segurança”, declara o parlamentar. 

Os deputados estaduais que integram também a Comissão de Segurança Pública são vice-presidente Silvio Fávero, os membros titulares Ulysses Moraes (PSL) e Thiago Silva (MDB).

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

​​​​​​​Ulysses Moraes realiza fiscalizações em hospitais durante a pandemia

Publicado


.

Foto: Fernanda Elisa Trindade / Assessoria de Gabinete

Durante o período de pandemia, o deputado Ulysses Moraes está realizando fiscalizações em hospitais de Mato Grosso que estão atendendo vítimas do novo coronavírus. O parlamentar já percorreu o antigo Pronto Socorro de Cuiabá, o Hospital Regional de Sinop e a Santa Casa de Misericórdia de Rondonópolis. A intenção é acompanhar como estão sendo aplicados os recursos nos municípios do estado para o combate à Covid-19, bem como garantir melhorias e segurança aos profissionais da saúde.

“São milhões em recursos que estão vindo para o Estado e municípios, por isso precisamos fiscalizar cada centavo”, destacou Moraes.  Após denúncias dos profissionais da saúde, o deputado está percorrendo os hospitais para investigar e garantir melhorias destes trabalhadores.

Em algumas unidades hospitalares, o deputado está verificando tudo com acompanhamento do Conselho Regional de Medicina (CRM-MT) que está elaborando um relatório técnico sobre o que foi encontrado. “A parceria com o CRM de Mato Grosso está sendo de extrema importância, porque os fiscais conseguem averiguar todas as questões técnicas da saúde”, disse o deputado.

Em relação ao que já foi encontrado, o antigo Pronto Socorro de Cuiabá é um dos locais mais críticos. Foi detectado a falta de aparelhos essenciais, falta de colchões, ar-condicionado e até mesmo chuveiro nos ambientes de repouso dos médicos e enfermeiros que ficam de plantão no local. Mas, em uma segunda fiscalização realizada no último dia 14, o deputado percebeu melhorias e cobrou novas reformas.

Vale ainda destacar que o deputado está realizando algumas fiscalizações em dispensas de licitações feitas por municípios com a justificativa do coronavírus. “Então, se você é profissional da saúde pode nos avisar tudo. Estamos rodando o estado e fiscalizando como estão sendo aplicados os recursos ao combate do Covid-19”, garantiu o parlamentar.

Mato Grosso já tem 41 óbitos em decorrência do coronavírus e 1.464 casos confirmados. E de acordo com o Ministério da Saúde, no Brasil são 22.666 mortes e 360 mil casos desta doença. 

 

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana