conecte-se conosco


Mato Grosso

Gestores do Programa Bolsa Família e técnicos de referência municipais participam de capacitação do Sicon

Publicado

Entre os dias 02 e 17 de outubro, cerca de 100 gestores do Programa Bolsa Família (PBF) e técnicos de referência municipais, participaram da capacitação “Sicon na Gestão de Condicionalidades do Programa Bolsa Família”, em Cuiabá. Conforme a Superintendência de Benefícios, Programas e Projetos Socioassistenciais, coordenada pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), esta é a primeira vez em que o curso é executado no Estado.

O Sistema de Condicionalidades (Sicon) permite o acompanhamento das ações de gestão relativas ao Programa Bolsa Família. Neste sentido, o objetivo principal do curso foi orientar os gestores do PBF, responsáveis pelo acompanhamento familiar do programa de Proteção e Atenção Integral a Família (Paif), sobre as funcionalidades do Sicon e a gestão de condicionalidades do Bolsa Família.

A superintendente de Benefícios, Programas e Projetos Socioassistenciais do Sistema Único da Assistência Social (Suas), Cristina Caputi, explicou que a capacitação discutiu as funcionalidades do sistema para identificar e prevenir situações de descumprimento de condicionalidades, contribuindo para o aprimoramento do atendimento e acompanhamento das famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família.

“A iniciativa busca contribuir para o aprimoramento da gestão do Programa, tendo como premissas o trabalho intersetorial entre a Saúde, Educação e Assistência Social. A nossa intenção é dar condições para que os técnicos conheçam a ferramenta, e partir disso possam prestar um serviço de acompanhamento efetivo, atendendo todas necessidades dos usuários”, lembrou.

Durante as três etapas participaram os municípios de Alto Araguaia, Alto Garças, Confresa, Feliz Natal, General, Carneiro, Juara, Juína, Nobres, Nova Bandeirantes, Nova Nazaré, Paranaíta, Ribeirão Cascalheira, Rio Branco, Rondonópolis, Santa Carmem, Santo Antônio do Leverger e Sinop, Alto Taquari, Cáceres, Campos de Júlio, Cuiabá, Figueirópolis D´Oeste, Ipiranga do Norte, Lucas do Rio Verde, Paranatinga, Pontes e Lacerda, São José dos Quatro Marcos, entre outros.

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Visita técnica da Prefeitura constata que o Governo cumpre regras da Anvisa

Publicado


.

A visita realizada pela Prefeitura de Cuiabá, nos 80 leitos de UTI, já em operação nos Hospitais Estaduais Santa Casa e Metropolitano, concluiu que o Governo de Mato Grosso cumpre com as preconizações do Ministério da Saúde e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O atesto foi feito pelo fisioterapeuta e funcionário do Hospital de Referência para COVID-19 em Cuiabá, Paulo Henrique de Oliveira. Ele explicou que a ANVISA preconiza que os hospitais precisam ter pelo menos um ventilador para cada dois leitos de UTI, e neste caso, a Santa Casa e o Metropolitano se enquadram.

“Para momentos de pandemia e em situações extremas de Síndrome Respiratória Aguda Grave, alguns pareceres técnicos preveem a utilização temporária de um ventilador pulmonar para mais de um paciente em caso de falta de mais aparelhos, mas que devem ser observados alguns critérios para que isso possa ser feito”, comentou. 

O secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, explicou que na Santa Casa há 40 leitos de UTIs em plena atividade e 10 UTIs pediátricas sendo implantadas. Já no Metropolitano são 40 leitos e outros 30 em fase de implantação. 

Dos 40 leitos da Santa Casa, 28 têm respiradores, e no Metropolitano, dos 40 leitos, 30 têm o equipamento. “Para todos os demais leitos, o governo já adquiriu os respiradores e eles estão no Aeroporto Internacional Marechal Rondon, na alfândega para serem liberados pela Receita Federal. Além disso, é bom destacar que os 10 leitos que o Ministério da Saúde encaminhou para a Santa Casa, nenhum chegou com ventiladores. Mas, como já dissemos, compramos para todos os leitos”, explicou.

“Nós agimos rápido, compramos os equipamentos e eles já estão em solo mato-grossense. Agora é uma questão de burocracia e logo já estaremos com todos os leitos de UTI com os respiradores. E é bom deixar claro que estamos cumprindo com todas as preconizações e protocolos do Ministério da Saúde”, destacou.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Corpo de Bombeiros Militar de MT ministra curso de formação para o Exército Brasileiro

Publicado


.

O Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso, no contexto da Operação Verde Brasil 2, por meio do Batalhão de Emergências Ambientais (BEA) e Comandos Regionais, ministrará curso de formação de Brigadista Florestal para 1170 militares do Exército Brasileiro.

O lançamento da ação ocorreu nesta terça-feira (02.06) e será distribuída nas seguintes unidades: 13 BIMTZ, 44 BIMTZ, 16 BIMTZ, 58 BIMTZ, 18 GAC.

A atividade está prevista no Plano de Operações para a Temporada de Incêndios Florestais 2020 e conta com o apoio dos Comandos Regionais Bombeiro Militar I, II, IV e V (Cuiabá, Rondonópolis, Barra do Garças e Cáceres). 

O curso tem por objetivo capacitar os militares do Exército Brasileiro frente às Ocorrências de Combate a Incêndios Florestais em todos os biomas de Mato Grosso.

O lançamento da ação (na terça-feira) ocorreu com a capacitação inicial de 55 militares do 44 BIMTZ, conforme planejamento da Diretoria Operacional e BEA que estimam finalizar a capacitação até dia 15 de julho, aumentando o número de recursos humanos capacitados e prontos para o enfrentamento dos incêndios florestais.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Corpo de Bombeiro Militar de MT ministra curso de formação de Brigadista Florestal para o Exército Brasileiro

Publicado


.

O Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso, no contexto da Operação Verde Brasil 2, por meio do Batalhão de Emergências Ambientais (BEA) e Comandos Regionais, ministrará curso de formação de Brigadista Florestal para 1170 militares do Exército Brasileiro.

O lançamento da ação ocorreu nesta terça-feira (02.06) e será distribuída nas seguintes unidades: 13 BIMTZ, 44 BIMTZ, 16 BIMTZ, 58 BIMTZ, 18 GAC.

A atividade está prevista no Plano de Operações para a Temporada de Incêndios Florestais 2020 e conta com o apoio dos Comandos Regionais Bombeiro Militar I, II, IV e V (Cuiabá, Rondonópolis, Barra do Garças e Cáceres). 

O curso tem por objetivo capacitar os militares do Exército Brasileiro frente às Ocorrências de Combate a Incêndios Florestais em todos os biomas de Mato Grosso.

O lançamento da ação (na terça-feira) ocorreu com a capacitação inicial de 55 militares do 44 BIMTZ, conforme planejamento da Diretoria Operacional e BEA que estimam finalizar a capacitação até dia 15 de julho, aumentando o número de recursos humanos capacitados e prontos para o enfrentamento dos incêndios florestais.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana