conecte-se conosco


Entretenimento

Gretchen estrela campanha de Carnaval contra assédio: “Lança tua braba, mulher”

Publicado


source

Carnaval é um período de bastante folia, mas também existem alguns assuntos sérios que precisam ser discutidos nessa época do ano. O assédio é um deles e para falar sobre a temática sem perder o clima de folia, a Prefeitura de Recife lançou uma campanha nada chata. Foi lançado um vídeo nas redes sociais, estrelado por ninguém menso que Gretchen, para conscientizar sobre o assédio. 

Gretchen Carnaval arrow-options
Reprodução/Instagram

Gretchen é a rainha do “Pequeno Manual Prático de Como Não Ser um Babaca no Carnaval”






Leia Também: Blocos de carnaval não oficiais serão multados pela Prefeitura do Rio

O “Pequeno Manual Prático de Como Não Ser um Babaca no Carnaval” conta com posts, panfletos que serão distribuídos e o vídeo que vem repercutindo na web. Nele, a mãe de Thammy Miranda faz uma paródia de ” Conga La Conga “, um dos hits mais conhecidos de Gretchen.

Leia também: Assédio sexual no carnaval: saiba como ajudar outras mulheres

Na letra, Gretchen fala: “Amadas, eu estou contando com vocês! Todas as minas, manas e monas. Aqui babaca não tem vez “. Durante o vídeo, ela também solta o rebolado e mostra que é super possível se divertir sem desrespeitar ninguém. De quebra, a musa ainda alerta para o número de telefone em que é possível denunciar casos de assédio, 180

A cantora e atriz, Gretchen , compartilhou o vídeo da campanha no Instagram. Na legenda, ela escreveu: “O combate à violência contra a mulher e o empoderamento feminino são questões que eu já discuto há muito tempo. Agora, com esse convite, usamos a música e a dança pra passar um recado bem poderoso. Espero que gostem e, principalmente, que conscientize. Lança a tua braba, mulher!”. 

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

Feat de Anitta com Cardi B é tudo que os fãs pediram: “Melhor música da patroa”

Publicado


source
Anitta
Reprodução Instagram

Anitta

Nesta sexta-feira (18), foi realizado o lançamento oficial da música Me Gusta , parceria entre Anitta , Cardi B e Mike Towers. O clipe, que foi gravado em Salvador, deve sair ainda hoje, entre 11h00 e 12h00 – no horário de Brasília.

Misturando idiomas e funk ao pop, a colaboração entre a brasileira e Cardi B  foi recebida de braços abertos pelos fãs. Em pouco tempo de debut no YouTube, a música já lidera os assuntos mais comentados no Twitter, em escala nacional e internacional.

Houve quem não gostasse, mas a avalanche de reviews positivos é praticamente unânime. Há até quem considerou a faixa “a melhor da patroa” – apelido de Anitta . Confira reações.







Ouça a Me Gusta:







Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

Luísa Sonza se pronuncia após ser acusada de bater em advogada negra

Publicado


source

A cantora Luísa Sonza está envolvida em mais uma polêmica. Desta vez, ela é acusada de bater e ser rude com uma advogada negra que achou que era funcionária de um restaurante. Segundo Erlan Bastos, do Canal EM OFF, Isabel Macedo está processando a ex-mulher de Whindersson Nunes por racismo. O caso aconteceu em Fernando de Noronha, Pernambuco, mas a ação corre no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Luísa se posicionou e disse que a acusação é “absurda”.

Luísa Sonza
Reprodução

Luísa Sonza está sendo acusada de racismo

Conforme divulgado por Erlan, no processo diz que Luísa Sonza teria destratado a advogada em um festival gastronômico no qual a artista se apresentou em setembro de 2018. A vítima teria cruzado com a cantora quando estava indo ao banheiro. “Isabel foi agredida com um tapa no braço pela cantora, que ordenou em um tom ríspido que Isabel fosse buscar um copo de água”, diz em trecho da ação.

A advogada teria pedido para Luísa repetir o que ela havia dito e a cantora voltou a falar com rispidez. Isabel explicou que não trabalhava no local e era uma cliente. “Após a explicação, visivelmente surpresa, a cantora indagou se Isabel era funcionária do local, como se não fosse crível que uma mulher negra pudesse estar naquele restaurante na qualidade de cliente”, foi citado em outra parte do processo.


Após divulgar essas informações, Erlan usou as redes sociais para explicar que um primeiro processo foi arquivado após a advogada não pagar as despesas necessárias, mas um novo processo foi movido por Isabel e Luísa ainda não teria sido notificada. A cantora usou as redes sociais para se pronunciar sobre o caso.

“Tudo isso é MENTIRA! Não acreditem nisso! Eu jamais teria esse tipo de atitude. Vocês me conhecem bem, sabem qual é meu caráter, minha índole. Eu jamais ofenderia outra pessoa por conta da cor de sua pele. Jamais! Essa acusação é absurda”, escreveu a cantora no Twitter. “Minha equipe já está tomando todas as providências jurídicas quanto ao caso”, acrescentou.


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

Juliano Ceglia, de “A Fazenda”, é processado por colisão no trânsito

Publicado


source
Juliano Ceglia
Reprodução Instagram

Juliano Ceglia

Na sexta-feira passada, durante a primeira festa de ” A Fazenda “, o jornalista Juliano Ceglia revelou à Raíssa Barbosa que ele teria três processos criminais . A coluna descobriu que, além deles, havia pelo menos um processo cível: uma ação movida em 2016, pela motorista de Uber, Mariana Leitão, em razão de um acidente de trânsito, que teria sido provocado pelo peão.

No processo, a defesa de Mariana relata que ela e Juliano estavam num posto de gasolina, na Avenida das Américas, na cidade do Rio de Janeiro, quando o jornalista começou a buzinar, incessantemente, para que ela desse passagem.

Devido ao trânsito intenso, a defesa relata que Mariana não conseguia ingressar à via, quando Juliano teria acelerado sua pick-up Dodge RAM 2500 contra o Chevrolet Cruze da moça. Após a colisão, Mariana teria tentado sair do seu carro, mas foi surpreendida pelo jornalista que, novamente, bateu a pick-up contra a porta de seu veículo.

Segundo consta no processo, Juliano Ceglia teria saído do carro e tentado culpar a motorista pelo ocorrido. “Esbravejando e constrangendo-a no local, na frente de testemunhas e câmeras de segurança, sendo certo que jamais houve motivo plausível para tanta covardia”, afirma a defesa.

Após Mariana ligar para a polícia, Juliano teria se desesperado e afirmado que ‘trabalhava na Globo ‘ e que ‘pagaria a quantia que ela quisesse’. Em seguida, segundo o relato, o jornalista deixou o local cantando pneu, sem prestar socorro e fazendo graves ameaças a Mariana.

No processo, a defesa da moça afirma que ‘por um milagre, Mariana não foi gravemente lesada pela monstruosidade do ato de Juliano’, uma vez que o jornalista teria quase atropelado a motorista de Uber ao colidir contra a porta de seu veículo, no momento em que ela tentava sair do carro.

Apesar da defesa de Mariana Leitão ter requerido indenização no valor de R$ 23 mil pelos danos causados, o processo foi extinto pela ausência do réu e da autora na segunda audiência.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana