conecte-se conosco


Economia

Mais 11 lotes de cervejas da Backer estão contaminados, diz governo

Publicado

Garrafas da cerveja Belorizontina arrow-options
Divulgação

Substância tóxica foi encontrada em 32 lotes

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou no início da noite deste sábado (18), os resultados de análises que detectaram a presença do contaminante dietilenoglicol em mais 11 lotes de cervejas Backer.

Até o momento, dez produtos da Cervejaria Backer testaram positivo para as substâncias tóxicas: Belorizontina, Capixaba, Capitão Senra, Pele Vermelha, Fargo 46, Backer Pilsen, Brown, Backer D2, Corleone e Backer Trigo. Até o momento, as análises realizadas pelos Laboratórios Federais de Defesa Agropecuária constataram 32 lotes contaminados.

Diante do risco iminente à saúde pública, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a interdição de todas as marcas de cerveja Backer com data de validade igual ou posterior a agosto de 2020.

Leia também: Anvisa interdita todas as marcas da Backer vendidas no Brasil

O Mapa também definiu, com a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacom), do Ministério da Justiça e Segurança Pública, a realização dos procedimentos de intimação da empresa para recall dos produtos em que já foi constatada a contaminação, bem como dos produtos que ainda não tiveram a idoneidade e segurança para o consumo comprovadas para o consumidor. A medida é preventiva e vale para todo o Brasil.

Veja os lotes contaminados:

Lista de lotes arrow-options
Ministério da Agricultura/Divulgação

Total é de 32 lotes

Óbitos

O dietilenoglicol é uma substância tóxica e que não pode entrar em contato com alimentos e bebidas. A presença da substância na cerveja está associada à ocorrência de óbitos e intoxicações em Minas Gerais.

Na quinta-feira (16), a Secretaria de Saúde de Minas Gerais confirmou, a quarta morte por ingestão de dietilenoglicol, substância tóxica encontrada em cervejas produzidas pela Backer, em Belo Horizonte. A vítima é uma mulher que morreu no dia 28 de dezembro em Pompéu, interior do estado. Já são 18 casos, incluindo mortes e internações por intoxicação.

Leia também: Perícia encontra substância tóxica na água utilizada pela cervejaria Backer

A primeira das quatro mortes por intoxicação já reconhecidas pela Polícia Civil foi registrada na noite de 7 de janeiro, em Juiz de Fora. Exames a que a vítima foi submetida antes de morrer confirmaram a presença de dietilenoglicol no sangue. O homem, cujo nome e idade não foram oficialmente confirmados, foi sepultado no município mineiro de Ubá.

Todos os pacientes internados devido à síndrome nefroneural apresentaram insuficiência renal aguda de evolução rápida, ou seja, que levou a pessoa a ser internada em até 72 horas após o surgimento dos primeiros sintomas, e alterações neurológicas centrais e periféricas, que podem ter provocado paralisia facial, embaçamento ou perda da visão, alteração sensório, paralisia, entre outros sintomas.

Investigação

A Polícia Civil não descarta nenhuma hipótese, nem mesmo a suspeita de que um ex-funcionário demitido pela Backer possa ter agido por vingança. “Não posso afirmar se foi uma sabotagem ou um erro. Ainda não é o momento da investigação para isso”, disse o delegado Flávio Grossi. “Hoje, o que afirmamos é que os elementos tóxicos encontrados nas garrafas [de cerveja], no sangue das vítimas e dentro das empresas [provém] de produtos em comum. Crime acreditamos que houve. Por isto instauramos um inquérito policial”, disse o delegado.

Comentários Facebook
publicidade

Economia

IR 2020: Receita adia declaração de Simples e MEI, mas não muda de pessoas

Publicado


source
imposto arrow-options
Marcelo Camargo/ABr

Para as pessoas físicas, o prazo para entrega da declaração de Imposto de Renda 2020, por enquanto, está mantido até o dia 30 de abril

A Receita Federal informou na quinta-feira (26) que prorrogou o prazo de entrega das declarações anuais das empresas que operam sob o regime do Simples Nacional e dos microempreendedores individuais (MEI) até o dia 30 de junho. A medida foi tomada pelo Comitê Gestor do Simples Nacional (CGSN) em resolução publicada hoje no Diário Oficial.

Porém, para as pessoas físicas, o prazo para entrega da declaração de I mposto de Renda 2020, por enquanto, está mantido até o dia 30 de abril.

Originalmente, o prazo para apresentação da Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais (Defis) pelas empresas do Simples Nacional, referente ao ano-calendário de 2019, acabaria em 31 de março.

Já o prazo para entrega da Declaração Anual Simplificada para o Microempreendedor Individual (DASN-Simei) terminaria em 31 de maio.

O CGSN já havia aprovado resolução prorrogando o prazo para pagamento dos tributos federais para MEI e empresas do Simples Nacional. O imposto (DAS) de março, que venceria em 20 de abril, foi adiado para 20 de outubro.

O de abril, que venceria em 20 de maio, poderá ser pago até 20 de novembro. E o imposto de maio, com vencimento em 22 de junho, será aceito sem multa até 21 de dezembro. O imposto de fevereiro teve seu vencimento mantido em 20 de março.

Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Trump afirma que retorno ao trabalho ocorrerá rapidamente nos EUA

Publicado


source

O presidente dos Estados Unidos , Donald Trump , declarou em entrevista coletiva na Casa Branca que acredita na volta “bem rápida” ao trabalho em sua nação.

‘Orçamento de guerra’ cria comitê de crise e permite aumentar gastos públicos

Nós temos que voltar a trabalhar . Iremos conversar sobre datas e com ótimos profissionais para tomarmos as medidas possíveis. Mas este país foi construído em cima de levantar e fazer as coisas. Ouço bem alto os pedidos das pessoas para voltarem a trabalhar, então iremos ver o que vai ocorrer. Teremos novas informações a partir da semana que vem. Mas já afirmo, nós somos os Estados Unidos da América , não queremos ficar sentados e esperando. Inclusive, as pessoas, quando voltarem, irão continuar praticando as medidas de precaução necessárias, lavando as mãos e ficando o máximo de distantes possível”, afirmou Trump .

Donald Trump arrow-options
Joyce N. Boghosian/White House

Donald Trump


“Creio que este retorno ocorrerá bem rapidamente. Estamos tentando segurar as pontas com medidas na nossa economia que terão sérias consequências, mas temos que voltar a trabalhar”, completou.

Anteriormente, o presidente norte-americano havia comentado que poderia acontecer um retorno em etapas, privilegiando a volta em áreas com pouca circulação da doença. Por enquanto, Trump disse que o povo deve continuar seguindo as diretrizes das autoridades. “Permaneçam em casa, descansem”, disse o mandatário.

Petrobras reduz preço do GLP em 5% nas refinarias

Em relação ao avanço do mercado de ações em Nova York , o presidente afirmou que isso é uma mostra de confiança em seu governo. “Há grande apoio ao pacote na Câmara dos Representantes “, agradecendo à aprovação do pacote trilionário para lidar com a situação.

Trump finalizou a coletiva informando que continuam os testes para medicamentos de combate ao coronavírus . Além disso, o presidente afirmou que a vacina, que também está em pesquisa, deve demorar “mais de um ano”.

Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Doria anuncia repasse de R$ 218 milhões a 80 municípios de São Paulo

Publicado


source
Doria em anúncio de novas medidas de enfrentamento ao novo coronavírus arrow-options
Governo de São Paulo / Divulgação

Doria em anúncio de novas medidas de enfrentamento ao novo coronavírus

Doria anunciou nesta quinta-feira (26) o repasse de R$ 218 milhões a 80 municípios do Estado de São Paulo para o combate ao coronavírus. A medida abrange todos os municípios com mais de 100 mil habitantes, com a exceção de São Paulo, que receberá verba específica que será anunciada nesta sexta-feira (27). Segundo o governador, os recursos serão utilizados em serviços de atendimento médico, sanitário e para a proteção da população em situação de vulnerabilidade.

“O governo do estado de São Paulo vai repassar a partir do dia 3 de abril R$ 218 milhões para municípios do estado de São Paulo, são 80 municípios que receberão R$ 218 milhões. A linha de corte é para municípios com mais de 100 mil habitantes para o combate ao coronavírus. O valor será utilizado para essas cidades com população acima de 100 mil habitantes, excetuando-se a capital de São Paulo”, afirmou Doria.

O objetivo é que os municípios vizinhos e com menor número de habitantes também se beneficiem do aporte financeiro. “Nós pegamos os municípios maiores de 100 mil habitantes, são os estruturantes dentro disso e daí a possibilidade de centros de referência de combate ao coronavírus, com testes, com consulta hospitalares, com consulta à população que vai atingir esses municípios sedes, mas também os municípios no entorno da região deles e nos municípios maiores a possibilidade dos hospitais de campanha”, disse Marco Vinholi, secretário de Desenvolvimento Regional.

Veja também: Vales refeição e alimentação devem ser mantidos a funcionários em home office 

Acordo com GasBrasiliano

Será suspenso o corte de gás por inadimplência dos consumidores do noroeste paulista até o dia 31 de maio. A medida é válida para residências, comércio, indústrias, hospitais e prontos socorros. Segundo Doria, 240 hospitais são atendidos com gás natural no estado de São Paulo.

O estado de São Paulo já havia firmado acordo com a Comgás para interromper o corte do fornecimento de gás natural para residências, pequenos comércios, hospitais e unidades de saúde. O acordo prevê também a isenção do consumo mínimo obrigatório previsto em contratos com consumidores industriais.

Leia mais: Em nova MP, governo reduzirá para dois meses suspensão do contrato de trabalho 

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana