conecte-se conosco


Esportes

Missão Europa: Manoel Messias foca na volta das provas e na Olimpíada

Publicado


.

Nesta semana, seis triatletas brasileiros chegaram a Portugal para se integrarem à Missão Europa do Comitê Olímpico do Brasil (COB). Um deles é o cearense Manoel Messias, melhor atletas do país no ranking mundial da modalidade (45º).

Durante o auge da pandemia do novo coronavírus (covid-19), em São Carlos (interior de São Paulo), onde reside, Messias fez alguns ajustes para manter os treinamentos, principalmente na parte do ciclismo. Ele adaptou uma bicicleta dentro de casa para seguir os trabalhos. Agora, na Europa, os trabalhos puderam voltar à normalidade.

“Já conhecemos bastante esse CT. É um espaço muito bom, que atende perfeitamente às nossas necessidades de treinamento. Estava sem piscina para treinar também. Vai ser bom voltar aos trabalhos”, disse o atleta à Agência Brasil.

Outro fator valorizado por ele é a possibilidade de estar mais próximo das sedes das primeiras competições depois da parada forçada pela covid-19. “A modalidade tem um circuito de competições praticamente todo focado na Europa. Então, em uma temporada normal, estaríamos por lá mesmo nessa época. Esse apoio do COB para conseguirmos fazer essas semanas de preparação antes da volta agrega bastante”, diz.

O calendário prevê para setembro duas competições, a etapa do mundial (WTS, na sigla em inglês) em Hamburgo (Alemanha), prevista para 5 de setembro, e a etapa da Copa do Mundo, na República Tcheca, em 13 de setembro. “Essa é a previsão. Por isso estamos aqui em Portugal treinando. Mas é claro que tudo pode mudar. Várias competições estão sendo canceladas a todo momento”, afirma. Recentemente, inclusive, a União Internacional de Triatlo (ITU, na sigla em inglês) anunciou o cancelamento de três competições: a Grande Semana de Tiszaujvaros (Hungria), o Festival Europeu de Jovens, na Turquia, e a Copa do Mundo de 2020 Tongyeong (Coreia do Sul).

“Essa indefinição toda sempre atrapalha. Calendário é definido com uma antecedência bem grande. Mas, em termos de pontos e classificação olímpica, fiz um período inicial muito bom, e estou bem encaminhado”, celebrou o brasileiro.

No feminino, o Brasil tem uma dupla praticamente classificada para os Jogos de Tóquio: Vittória Lopes (23ª do ranking mundial) e Luisa Baptista (33ª do ranking mundial). As duas também estão treinando em Portugal. O sistema classificatório para os Jogos de Tóquio no triatlo é bastante complexo. Mas, entre vários outros detalhes, prevê que os atletas utilizem os 12 melhores resultados nos últimos dois anos.

Inicialmente, cada país tem a possibilidade de classificar no máximo dois atletas de cada gênero para a disputa. Somente as primeiras equipes classificadas no ranking mundial (privilégio que pode ser usufruído pelas três ou cinco primeiras seleções, dependendo de vários critérios) têm a possibilidade de levar três atletas masculinos e/ou femininos. Para um país conquistar uma vaga, deve ter um atleta aproximadamente entre os 60 primeiros do ranking olímpico. Kauê Willy (129º), Miguel Hidalgo (150º) e Djenyfer Arnold (117ª) completam a equipe do triatlo nessa fase de treinos. Nas provas olímpicas, o triatlo é formada por 1,5 km de natação, 40 km de ciclismo e 10 km de corrida.

Edição: Fábio Lisboa

Comentários Facebook
publicidade

Esportes

Brasileiros faturam três ouros em Aberto Internacional de Paratletismo

Publicado


.

O domingo (20) foi dourado para os atletas paralímpicos Alessandro Rodrigo da Silva, do lançamento de disco e arremesso de peso (F11), e Michel Gustavo, do salto em distância (T47). Os brasileiros conquistaram três medalhas no Aberto Internacional de Paratletismo de Freital (Alemanha). Esta foi a primeira competição oficial de ambos este ano, já que todo o calendário de provas no Brasil foi suspenso, ainda em março, pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Já classificado à Paralimpíada de Toquio (Japão), Alessandro da Silva, foi soberano em duas modalidades.  Na primeira disputa do dia do arremesso de peso, ele obteve a melhor marca válida – 13,18 metros – e faturou o ouro. Na sequência, voltou para o lançamento de disco, em que o brasileiro detém recorde mundial. E mais uma vez, Alessandro brilhou: venceu a prova com a marca de 43,38 m e o segundo ouro do dia. 

No salto em distância, Michel Gustavo, que ainda busca o índice paralímpico (7,14 m) para se garantir nos Jogos de Tóquio, conquistou o ouro ao vencer a prova com a marca de 6,44 m. 

Na pontuação final do torneio, Alessandro foi premiado como melhor atleta do evento, e Michel ficou na segunda colocação na pontuação geral. Esta foi a primeira competição oficial de ambos em 2020, já que todo o calendário de provas no Brasil foi suspenso, ainda em março, pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Série C: Vila Nova mira G-4 contra Imperatriz, que ainda não venceu

Publicado


.

O duelo entre Vila Nova e Imperatriz, nesta segunda-feira (21), encerra a sétima rodada do Grupo A da Série C do Campeonato Brasileiro. A bola rola no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia (GO), a partir das às 20h (horário de Brasília).

Os times se encontram em situações distintas na classificação. O Vila é o sexto colocado, com nove pontos, e se vencer,  pode terminar a rodada na vice-liderança da chave. A equipe goiana somou cinco pontos nas últimas três partidas, nas quais também não foi vazada. O técnico Bolívar não tem desfalques para o duelo, que abre uma sequência de dois jogos em casa. Foi atuando em Goiânia que o Tigre conseguiu as duas vitórias na Série C.

O Imperatriz é o lanterna do Grupo A, com um ponto. Com parte do elenco acometido por casos do novo coronavírus (covid-19) no início do campeonato, o Cavalo de Aço teve duas partidas adiadas e, portanto, possui dois jogos a menos que a maioria dos rivais. A equipe maranhense vem de uma goleada sofrida para o Paysandu, em Belém (PA), por 6 a 1. Embora no jogo desta noite não tenha  desfalques por causa da covid-19, o técnico Estevam Soares não poderá contar com os zagueiros Ramon e Odair e o atacante Giva, todos contundidos.

A rodada, até agora, é fraca de gols pelo Grupo A. Nas quatro partidas realizadas entre sábado (19) e domingo (20), foram somente duas bolas na rede, dos atacantes Vinícius Leite e Nícolas, ambas na vitória do Paysandu sobre o Ferroviário, em Fortaleza (CE), por 2 a 0. Os outros jogos – Treze x Jacuipense, Manaus x Santa Cruz e Remo x Botafogo-PB – terminaram empatados e 0 a 0.

O Santa Cruz, com 14 pontos, é o líder da chave, seguido por Ferroviário (11), seguido por Paysandu e Remo (ambos com 10), que completam o G-4. O Treze, com três pontos, encabeça a zona de rebaixamento, dois pontos à frente do Imperatriz. Mesmo que vença o Vila Nova, o time maranhense ainda seguirá no Z-2, já que está a seis pontos do Botafogo-PB, oitavo colocado.

No Grupo B, a sétima rodada começou na última quinta (17), com a vitória do Londrina sobre o São José-RS, no Estádio do Café, por 1 a 0. No sábado, São Bento e Volta Redonda ficaram no 1 a 1 no interior paulista. O atacante João Carlos colocou os cariocas na frente, mas o volante Bruno Barra marcou contra, nos acréscimos, deixando tudo igual.

Neste domingo (20), em Erechim (RS), o meia Fernandinho e o atacante Neto Pessoa definiram a vitória do Ypiranga sobre o Criciúma, por 2 a 0. Em Varginha (MG), o atacante Jefferson abriu o placar para o Boa Esporte diante do Ituano, mas o meia Gabriel Barros empatou e o atacante Luiz Paulo, ex-Boa, virou o placar nos acréscimos, dando o triunfo ao time paulista, por 2 a 1. Já o Brusque recebeu a Tombense e ganhou por 1 a 0, gol do atacante Giovane Itinga.

 
 
 

 
 
 
 
 

 
 

 
 
 

Brusque vence em casa e é líder isolado do brasileiro! Na tarde desse domingo (20), o Brusque FC entrou em campo visando manter a liderança do grupo B. Logo no início da partida, aos quatro minutos, Thiago Alagoano cruzou para Garcez, que finalizou para fora. Aos oito, Thiago lançou para Alex Sandro, que dominou errado e a bola sobrou para o goleiro. Já aos 13, Dandan cruzou para a área, mas Garcez não conseguiu cabecear. O Brusque seguiu buscando espaço no ataque com Thiago Alagoano, mas o primeiro tempo terminou empatado. Brusque 0x0 Tombense! No segundo tempo, o quadricolor voltou em cima do adversário. A primeira chegada foi aos 9 minutos, com Thiago Alagoano, que cruzou para Itinga, que de cabeça abriu o placar para o Brusque e marcou o seu primeiro gol com a camisa do quadricolor. Aos 20, Itinga lançou Garcez, que finalizou por cima do gol. Oito minutos depois, Alex fez jogada individual e finalizou fraco para a defesa do goleiro. O Brusque seguiu buscando ampliar o placar com diversas chegadas ao ataque adversário, mas sem efetivação. Brusque 1×0 Tombense. Longe de casa, o quadricolor encara o Ceará, na quarta-feira (23), às 21h30, pela partida de volta da quarta fase da Copa do Brasil. Fotos: Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

Uma publicação compartilhada por Brusque Futebol Clube (@brusqueoficial) em 20 de Set, 2020 às 2:23 PDT

O Brusque mantém a ponta do Grupo B e a melhor campanha geral da Série C, com 15 pontos. O Ypiranga aparece na sequência, com um ponto a menos. Volta Redonda (12 pontos) e Londrina (11) completam a zona de classificação. Na outra extremidade da chave, estão São Bento e Boa Esporte, com três pontos cada e ainda sem vencer na competição.

Confira AQUI a tabela de classificação da Série C do Campeonato Brasileiro.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Comitê Paralímpico lança galeria em museu virtual

Publicado


.

O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) lançou hoje (21) uma galeria virtual em 3D no eMuseu do Esporte. A exposição traz as conquistas dos atletas brasileiros desde os Jogos Paralímpicos Rio 2016. A mostra é acessível, com audiodescrição e Língua Brasileira de Sinais (Libras). A plataforma pode ser acessada na página do museu.

“Servirá para registrar os feitos atletas paralímpicos. Atletas paralímpicos nem sempre têm o espaço ao qual fazem jus. O eMuseu certamente preencherá uma lacuna importante”, comemorou o presidente do CPB, Mizael Conrado, durante a transmissão que marcou o lançamento.

O nadador Daniel Dias, que acumula 24 medalhas em jogos paralímpicos, falou da importância do esporte na sua vida. “O esporte me mostrou que não devo colocar limites de realização e de capacitação na minha vida. O esporte me mostrou que não importa se temos braços ou não, isso não me define”, disse, durante a cerimônia virtual.

Esse foi o primeiro dos eventos que o CPB realiza nesta semana para comemorar o Dia do Atleta Paralímpico – 22 de setembro. Amanhã (22), será feito um evento com atletas e influenciadores digitais, transmitido pelos canais do comitê no Facebook e no Youtube.

Os debates ao vivo vão ocorrer em dois horários, às 15h e às 18h. Entre os atletas que participam das conversas estão: a parataekwondista Débora Menezes, os velocistas Fabrício Ferreira, Verônica Hipólito e Yohansson Nascimento e os nadadores Roberto Alcalde e Susana Schnarndorf. O youtuber Bruno Carneiro Nunes, o Fred do canal Desimpedidos também é um dos convidados.

Edição: Maria Claudia

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana