conecte-se conosco


Mato Grosso

MT Produtivo Banana repassa 300 mil mudas a prefeituras e associações de produtores

Publicado


O MT Produtivo Banana repassará 300 mil mudas da fruta a prefeituras e associações de produtores de Mato Grosso. Nesta semana, os municípios de Tapurah, Jaciara, Várzea Grande, Nortelândia, Juína, Poxoréu, Pedra Preta, Arenápolis e Nossa Senhora do Livramento foram os primeiros a receber as plantas.

Conforme o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Silvano Amaral, a expectativa é expandir a produtividade da fruta nos próximos 3 anos para fazer frente à demanda no mercado interno. “Nove cidades foram contempladas nesta 1ª etapa e estão recebendo 31,2 mil mudas de banana das variedades nanica, maçã e da terra”.

Na segunda etapa da ação, prevista para fevereiro, serão beneficiados com 19 mil mudas de banana as cidades de Rondolândia, Paranatinga, Guiratinga e Bom Jesus do Araguaia. Em março, outras 20 mil mudas serão repassadas aos agricultores familiares de cidades a serem definidas.

Mato Grosso ocupa a 18º lugar de área plantada de banana no País, com pouco mais de 6 mil hectares da fruta, e o 17º no ranking nacional de produção, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2020. O Governo, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf), quer alavancar a posição atual do Estado.

O secretário de Agricultura e Meio Ambiente do município de Pedra Preta, Agilmar Raimundo da Silva, retirou 3 mil mudas para atender quatro assentamentos do município, que são Monte Azul, Flor do Prata, Canudos e Banco da Terra.

“Em cada um deles, dez produtores familiares irão receber as mudas. Entraremos com o apoio na preparação da terra, inclusive com o calcário que recebemos da Seaf, e vamos auxiliar também na comercialização quando esse estágio chegar”, explicou.

Um dos coordenadores do projeto na Seaf, Leonardo Ribeiro, pontua que o projeto vai contribuir com a melhoria na renda dos produtores. “Isso vai ajudar quem pretende ter o cultivo para subsistência ou aqueles que se adaptarem ou já tenham aptidão para cultura de plantação, para possam aumentar sucessivamente sua área de plantio”.

O Programa MT Produtivo Banana terá abrangência estadual e auxiliará os municípios que apresentarem interesse e aptidão para o cultivo da bananeira. Foram investidos pelo Governo do Estado R$ 1,5 milhão para a aquisição dessas mudas.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Sexta-feira (28): Mato Grosso registra 621.673 casos e 14.261 óbitos por Covid-19

Publicado


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta sexta-feira (28.01), 621.673 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 14.261 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 5.016 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 621.673 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 31.040 estão em isolamento domiciliar e 575.290 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 202 internações em UTIs públicas e 209 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 78,91% para UTIs adulto e em 44% para enfermaria adulta.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (117.763), Várzea Grande (46.169), Rondonópolis (40.049), Sinop (28.828), Tangará da Serra (20.143), Sorriso (18.960), Lucas do Rio Verde (18.880), Primavera do Leste (17.368), Cáceres (14.248) e Alta Floresta (12.254).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Sistemas instáveis

Devido à instabilidade dos sistemas do Ministério da Saúde ocorrida nas últimas semanas, não foi possível atualizar os dados do Ranking da Vacinação em Mato Grosso e o número de casos e óbitos da Covid-19 no País. Os dados serão atualizados e divulgados assim que for restabelecido o acesso da SES aos sistemas do Governo Federal.

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Boletim atualizado às 17h51

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Estudante de Primavera do Leste ganha medalha de ouro na 16ª Olimpíada de Matemática

Publicado


Dois estudantes do 7º ano da Escola Estadual Sebastião Patrício, em Primavera do Leste, foram premiados na 16ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). Trata-se de Manuela de Oliveira Rodrigues, que levou a medalha de ouro no nível 01, e Elias Henrique Oliveira Jardim, com menção honrosa.

Medalhas e troféus já são uma rotina para Manuela. Duas vezes premiada no Festival de Poesia Manoel de Barros, promovido pela Secretaria Municipal de Cultura, sendo em 2021, com o 1º primeiro lugar em declamação.

A professora Renata Venâncio Pereira, responsável pelas inscrições na segunda fase OBMEP, explica que em 2021, foram 24 estudantes participantes, todos motivados. “A segunda fase não possui apenas questões objetivas, sendo assim, a estudante premiada foi muito dedicada, pois soube descrever a Matemática dentro das questões. Elias, por sua vez, é um aluno muito participativo”.

No entendimento do diretor Cássio João Lourenço dos Reis, a estudante Manuela possui um currículo digno de ser afixado na parede, pois em tudo que participa sempre sai vitoriosa. No geral, o gestor avalia como excelente a participação dos estudantes.

“Nossa escola, por meio dos professores, sempre promove este tipo de atividade em todas as áreas. Então, estendo o parabéns a todos: professores, alunos e pais que deram todo o apoio”, comemora.

Para a coordenadora pedagógica Danúbia Bernardes, a premiação é motivo de alegria e satisfação para toda a comunidade escolar da Escola Sebastião Patrício, principalmente dos docentes que procuram sempre incentivar seus estudantes a participar de competições pedagógicas. “Nem todos estudantes são premiados, mas o importante é particpiar e tentar sempre”.

Medalhistas de prata

O Estado de Mato Grosso teve, em 2021, doze alunos premiados com medalhas de prata pela OBMEP. Eles receberam a medalha digitalmente, este é caso do Mateus Lucas Rocha, de 15 anos.

Matriculado em 2022 do 2º ano do Ensino Médio, o estudante se inscreveu pela primeira vez na prova da OBMEP quando tinha 12 anos, épóca em que foi medalha de bronze. Na ocasião, o irmão gêmeo Daniel Lucas também foi medalhista de bronze.

Segundo a mãe dele, Nilzelene Mendes Lucas Rocha, esse resultado ofereceu a Mateus o direito de participar de outro evento, a Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM), que será no próximo mês.

A OBMEP é a competição do conhecimento brasileira que tem a maior participação no país. Ela premia alunos com medalhas de ouro, prata e bronze e menção honrosa para aqueles que tiveram bom desempenho, mas não chegaram na nota de corte.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Sexta-feira (28): Mato Grosso registra 620.936 casos e 14.258 óbitos por Covid-19

Publicado


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta sexta-feira (28.01), 620.936 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 14.258 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 4.279 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 620.936 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 30.830 estão em isolamento domiciliar e 574.776 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 202 internações em UTIs públicas e 202 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 78,91% para UTIs adulto e em 42% para enfermaria adulta.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (117.697), Várzea Grande (46.162), Rondonópolis (40.048), Sinop (28.828), Tangará da Serra (20.111), Sorriso (18.941), Lucas do Rio Verde (18.880), Primavera do Leste (17.339), Cáceres (14.216) e Alta Floresta (12.250).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Sistemas instáveis

Devido à instabilidade dos sistemas do Ministério da Saúde ocorrida nas últimas semanas, não foi possível atualizar os dados do Ranking da Vacinação em Mato Grosso e o número de casos e óbitos da Covid-19 no País. Os dados serão atualizados e divulgados assim que for restabelecido o acesso da SES aos sistemas do Governo Federal.

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana