conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil desarticula principal organização criminosa atuante em roubos de defensivos agrícolas no Estado

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil, por meio da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), deflagrou nesta quinta-feira (12.12), a operação “Fim da Linha”, com objetivo de dar cumprimento a 16 ordens judiciais contra a principal organização criminosa especializada em roubos de defensivos agrícolas no Estado.

Os mandados são cumpridos em 06 municípios do Estado de Mato Grosso, Cuiabá, Primavera do Leste, Poxoréu, Sinop, Sorriso e Lucas do Rio Verde. Seis pessoas alvos de mandados de prisão já foram presas, e o cumprimento das buscas continua em andamento.

Entre os presos estão, Fernando Serrando de Souza, conhecido como “Gordão”, Moisés Sales da Silva, o “Magrão”, Reinald Sthephanio Arouca de Moura, o “Rinodê”, Márcio Vieira Dias, conhecido como “Mineiro”, José Carlos Oliveira Duarte, o “Perninha” e Bruna Almeida Silva.

Outros dois integrantes do grupo, identificados como, Johne Ribeiro da Silva, o “John-John” e Cassiano de Lima Camargo, conhecido como “Cara de Arraia”, morreram durante confronto com a Polícia, no mês de outubro, ocasião em que um policial também ficou ferido.

As investigações iniciaram há cerca de um ano, conseguindo desarticular a principal organização criminosa especializada em roubos de defensivos agrícolas no estado de Mato Grosso. Durante os trabalhos, foram identificados os 08  principais integrantes do grupo criminoso responsável por pelo menos 11 roubos realizados no período de um ano.

Por meio de ações de inteligência e análise de dados, a GCCO conseguiu mapear e identificar 11 fazendas situadas em diversos municípios, as quais foram vítimas do mesmo grupo criminoso. De acordo com o delegado, Frederico Murta, que conduziu as investigações, em todos os fatos investigados os criminosos atuavam sempre da mesma maneira.

“Cerca de 10 indivíduos fortemente armados e com uso de coletes balísticos, rendiam e amarravam os moradores e funcionários das fazendas, cortando ainda todo tipo de comunicação. Valendo de muita violência e graves ameaças às vítimas que permaneciam amarradas por horas”, explicou o delegado.

Após a ação criminosa, os suspeitos fugiam do local levando todo o estoque de defensivos agrícolas, veículos, armas e outros pertences das vítimas.

Ao longo das investigações realizadas pela GCCO, foram realizadas várias prisões em flagrante e, além das cargas recuperadas foram apreendidas 06 armas de fogo, um colete balístico e vários veículos pertencentes à organização criminosa.  

O grupo criminoso foi responsável pelo roubo ocorrido no mês de outubro em Lucas do Rio Verde. Na ocasião, após realizarem um roubo, os criminosos reagiram a uma ação policial no município de Lucas do Rio Verde, no momento em que faziam o transbordo da carga roubada.

No momento da abordagem, houve um confronto entre os criminosos e policiais da GCCO, culminando com um policial ferido e dois criminosos mortos. Na ação, foi recuperada uma carga avaliada em mais de R$ 1 milhão, que havia sido roubada de uma das fazendas dois dias antes.

Para o delegado geral, Mario Dermeval Aravéchia de Resende, a operação demonstra que a Polícia Judiciária Civil está empenhada no combate ao roubo de defensivos agrícolas.

“A desarticulação da organização criminosa apontada como principal atuante em roubos de defensivos no Estado demonstra que a Polícia Civil está aprimorando e fortalecendo as ações de combate a roubos, furtos e contrabandos de agrotóxico em Mato Grosso”, destacou Mario Resende.

A operação contou com o apoio das delegacias de Sinop, Lucas do Rio Verde, Sorriso, Primavera do Leste e do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

 

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Operação integrada localiza plantação de maconha em mata em Lucas do Rio Verde

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma plantação de maconha  foi descoberta, na sexta-feira (25.09), durante operação integrada da Polícia Civil, Polícia Militar e Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), realizada no município de Lucas do Rio Verde (354 km ao norte de Cuiabá).

A horta com vários pés  de maconha foi localizada durante sobrevoo da equipe do Ciopaer em uma região de mata no bairro Tessele Júnior.  Para chegar a plantação, localizada menos de cem metros para dentro da mata, havia uma trilha, sendo também encontrado no local, mobílias, ferramentas, defensivos e grande quantidade de água para regar as plantas.

Segundo o delegado, Marcelo Henrique Maidade, a plantação foi descoberta devido ao fato das equipes terem informações de que criminosos foragidos da Justiça estavam na região de mata.

 “O helicóptero sobrevoou a região conseguindo identificar a plantação, que surpreendeu devido a ousadia dos criminosos que montaram a horta próximo a cidade, com todos os apetrechos necessários de adubo e irrigação”, disse o delegado.

Com a descoberta, as plantas serão destruídas e as diligências continuarão em andamento para identificar os responsáveis pelo cultivo da substância ilícita, assim como para localização dos foragidos da Justiça.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Suspeito de estupro de vulnerável de enteada em Cáceres tem prisão cumprida em Cuiabá

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem investigado pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cáceres (228 km a oeste de Cuiabá pelo crime de estupro de vulnerável, teve o mandado de prisão cumpridos na tarde desta sexta-feira (25.09), pela Polícia Civil em Cuiabá, em ação realizada pelos policiais da Delegacia  Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE).

O suspeito, de 27 anos, foi alvo de investigação da Delegacia da Mulher de Cáceres, em setembro de 2019, pela prática de estupro de vulnerável contra a sua enteada de apenas 10 anos de idade. Segundo as investigações, o suspeito manteve relação sexual com a vítima diversas vezes, fato comprovado por exame de corpo delito realizado pelo menor.

Os fatos foram percebidos pela coordenadoria da escola onde a criança estuva, que percebeu mudanças de comportamentos da aluna, que reclamava de dores na parte debaixo da barriga e chorava com facilidade. Durante conversa com a menor, ela revelou que estava sendo abusada sexualmente pelo padrasto.

Na delegacia, a menor foi ouvida e deu detalhes que comprovavam os abusos praticados pelo padrasto. Diante das evidências, a delegada Judá Maali Pinheiro Marcondes, representou pelo mandado de prisão preventiva do suspeito, que foragiu da cidade.

Com a ordem de prisão decretada e informações do possível paradeiro do investigado na cidade de Cuiabá, a equipe da Delegacia da Mulher de Cáceres entrou em contato com os policiais da DRE. O suspeito foi localizado e teve a ordem de prisão cumprida em uma obra em que estava trabalhando, no bairro Bandeirantes.

Após ter o mandado cumprido, o suspeito foi apresentado na DRE para as providências cabíveis.

.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Policiais civis prendem homem em flagrante com 10 quilos de entorpecentes

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT      

Aproximadamente dez quilos de entorpecentes, entre maconha e pasta base, foram apreendidos e um homem preso pela Polícia Civil do município de Pontes e Lacerda (448 km a oeste de Cuiabá) nesta sexta-feira (25.09), durante de investigação de combate ao tráfico de drogas na região. A ação foi realizada pela equipe da Delegacia Regional de Pontes e Lacerda. 

O suspeito de 33 anos foi preso após ser flagrado pelos policiais civis com o entorpecente em uma residência no bairro Residencial Glória. 

Após monitoramento da Polícia Civil para levantar informações sobre bocas de fumo foi descoberto que nesta madrugada um carregamento de droga havia chegado na cidade e a carga seria levada para outro local. 

Diante dass informações, os investigadores passaram a vigiar as proximidades da casa do suspeito, quando avistaram a motocicleta utilizada pela investigado na garagem da residência. Os policiais também notaram som alto e movimentação de pessoas no interior do imóvel, além de um forte odor característico de entorpecente. 

Com base nos indícios, os policiais civis se aproximaram do endereço e conseguiram abordar o morador em posse de oito tabletes de maconha. Dentro do quarto foram encontrados mais quatro pacotes que estavam em uma mochila, embaixo da cama e tabletes em uma gaveta do guarda-roupa, todos de maconha. Também foram apreendidos 10 porções de pasta base de cocaína.

Com o flagrante, o suspeito foi conduzido para a delegacia da Polícia Civil de Pontes e Lacerda, interrogado e autuado pelo crime de tráfico de drogas. Os entorpecentes apreendisos serão encaminhados para perícia.

 Após a confecção dos autos o preso foi encaminhado para o Centro de Detenção de Pontes e Lacerda e ficará à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana