conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil prende cinco pessoas envolvidas com crime ambiental em Comodoro

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil do município de Comodoro (644 km a oeste de Cuiabá) desarticulou na quinta-feira (17.09), um grupo envolvido na prática de crime ambiental de exploração de matéria-prima. A ação resultou na apreensão de quatro caminhões basculantes carregados de areia para comercialização.

Cinco homens, entre 37 a 58 anos, foram presos por crime contra a ordem econômica na modalidade, usurpação de bens e exploração se matéria prima da união sem autorização, e crime de executar pesquisa, lavra ou extração de recursos minerais sem a competente autorização, permissão, concessão ou licença, ou em desacordo com a obtida.

Os policiais civis realizavam diligências nas proximidades da rodovia MT 235, quando avistaram quatro indivíduos que conduziam os respectivos caminhões basculantes carregados com areia dragada.

Na abordagem a equipe da Polícia Civil solicitou as licenças ambientais para a retirada da matéria-prima, as quais não foram apresentadas. Dos quatro homens, um deles não portava documento de identidade. Durante entrevista, um dos suspeitos apresentou diferentes versões. Outros dois dos condutores assumiram que extraiam areia para comercializar, sem qualquer licença ambiental.

Na ocasião, foi verificado que os quatro caminhões basculante estavam transportando areia que seriam vendidas, sem as devidas licenças ambientais e autorização para a operação de lavra e exploração.

Em continuidade as diligências, os investigadores foram até dois locais onde ocorria a extração de areia sendo constatado a utilização de motor, mangueiras e outros equipamentos para fazer a retirada criminosa da areia do leito do rio.

Além dos quatro motoristas dos caminhões, os policiais civis conduziram mais um suspeito, que é um dos proprietários de uma área rural onde se encontrava o maquinário. Os veículos que transportavam a areia também foram levados para Delegacia de Comodoro.

Depois de interrogados, eles foram autuados em flagrante pelos crimes contra a ordem econômica na modalidade, usurpação de bens e exploração se matéria prima da união sem autorização; e de executar pesquisa, lavra ou extração de recursos minerais sem a competente autorização, permissão, concessão ou licença, ou em desacordo com a obtida.

Um inquérito policial foi instaurado para apurar os fatos e identificar outros possíveis envolvidos.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Homem condenado por roubo qualificado é localizado e preso pela Polícia Civil

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Cuiabá (Derf) localizaram um foragido da Justiça de Mato Grosso e deram cumprimento ao mandado de prisão contra o homem de 32 anos condenado por roubo qualificado.

O foragido foi localizado em um estabelecimento comercial na Rodovia dos Imigrantes, no município de Várzea Grande.

Ele foi condenado a cinco anos e 10 meses de reclusão em regime fechado por roubo, em processo que tramitou na 3a Vara Criminal de Cuiabá e o mandado para cumprimento da sentença expedido pela Vara de Execução Penal da Comarca da Capital.

Após cumprimento da prisão, os policiais da Derf Cuiabá encaminharam o preso para unidade do Sistema Penitenciário em Várzea Grande.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Homem investigado por estupro contra menina de 11 anos é preso após investigação

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um homem investigado por estupro de vulnerável cometido em Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá) foi preso nesta sexta-feira (23.10), após apuração da Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher do município.

A prisão foi realizada pela Polícia Militar para cumprimento de mandado judicial.

O homem de 39 anos teve a prisão preventiva decretada após investigações da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher realizadas para apurar a denúncia de abuso sexual cometida contra uma criança de 11 anos.

A menina era considerada neta por afinidade do suspeito, que convivia com a avó paterna da criança, e aproveitou da proximidade com a vítima para praticar o estupro.

Conforme apuração, a menor de idade foi buscar uma roupa na casa da avó, quando foi surpreendida pelo suspeito, que a jogou na cama e iniciou os abusos sexuais.

Na ocasião, a avó percebeu que a neta estava demorando para retornar e foi até a casa,  quando flagrou o companheiro praticando abuso contra a criança. Revoltada, a avó desferiu vários golpes com um fio elétrico no suspeito, que conseguiu fugir do local.

Com base nas investigações, a delegada Judá Maali Pinheiro Marcondes representou pela prisão preventiva do investigado.

Após cumprimento à ordem judicial, o investigado foi encaminhado para a Cadeia Pública de Cáceres, onde está à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Família em situação de vulnerabilidade é atendida com doações pela Polícia Comunitária

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Coordenadoria de Polícia Comunitária da Polícia Civil entregou nesta sexta-feira (23) doações arrecadadas para uma família em situação de vulnerabilidade no bairro Ouro Verde, em Várzea Grande.

A equipe da Polícia Comunitária recebeu informações de que a mãe os três filhos, todos menores de idade, estavam sem alimentos.

Os policiais civis se mobilizaram para arrecadar as doações, como leite, achocolatados, bolachas, entre outros alimentos não perecíveis, que foram entregues à família nesta tarde de sexta-feira.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana