conecte-se conosco


Policial

Policiais civis de Pontes e Lacerda localizam e prendem alvo da Operação Ordenha

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais civis de Pontes e Lacerda (448 km a oeste de Cuiabá) cumpriram nesta sexta-feira, 29 de maio, um mandado de prisão de um suspeito alvo da Operação Ordenha, deflagrada na semana passada, na cidade de São José dos Quatro Marcos, na mesma região.

Coordenada pelo delegado Maurício Maciel, em apoio à Delegacia de Polícia de São José dos Quatro Marcos, a equipe localizou o homem de 49 anos, suspeito pelo crime de roubo de veículos, e cumpriu o mandado de prisão preventiva expedido pela justiça. O suspeito foi localizado na casa da companheira. 

A Operação “Ordenha” foi deflagrada no dia 22 de maio, em São José dos Quatro Marcos e em mais quatro cidades da região oeste, sob coordenação do delegado Edison Pick, com apoio das unidades policiais no entorno do município. A operação a operação é resultado de uma investigação iniciada em setembro de 2019, após a ocorrência de roubo de veículos com restrição de liberdade das vítimas, na zona rural do município. Homens armados ameaçaram as vítimas e roubaram veículos em uma propriedade na comunidade Caeté.  A partir da investigação desse roubo, a Polícia Civil do município levantou diversas informações e chegou à identificação de alguns suspeitos que estavam ligados a outros crimes na região.

Durante a operação foram cumpridos seis mandados de prisões preventivas, duas prisões em flagrante, apreensões de armas de fogo e munições de diversos calibres e recuperação de produtos furtados. Outros oito mandados de buscas e apreensões também foram cumpridos durante a operação que investiga crimes de roubos de veículos e homicídios ocorridos na região.

O homem preso em Pontes e Lacerda foi encaminhado à delegacia da Polícia Civil do município e depois encaminhado a uma unidade prisional, onde permanece à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil cumpre prisão de casal por latrocínio que vitimou idoso em Tangará da Serra

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

O casal apontado como principal suspeito do latrocínio que vitimou um idoso, de 81 anos de idade, no município de Tangará da Serra (239 km a médio norte de Cuiabá) teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, após ser identificado em investigações da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município.

O crime que vitimou Lorival Tasca ocorreu na sexta-feira 04 de setembro, na residência do idoso, na Agrovila 12, Assentamento Antônio Conselheiro. Na ocasião, os suspeitos espancaram a vítima para roubar um aparelho de TV 32 polegadas.

A vítima morava sozinha e o fato só foi percebido na segunda-feira (07) pelos vizinhos, quando o idoso foi socorrido e encaminhado para o hospital. Devido a gravidade dos ferimentos, o idoso não resistiu e morreu cinco dias após o ocorrido.

Assim que foi acionada dos fatos,, a equipe da Derf iniciou as investigações, conseguindo informações sobre os possíveis autores do crime, um casal que morava em sítio na Agrovila 18, local conhecido por aglomerações de pessoas para uso de drogas e bebidas alcoólicas.  

Com base nos elementos colhidos nas investigações, o delegado Edmar de Faria Filho, representou pelo mandado de prisão preventiva dos suspeitos pelo crime de latrocínio, os quais foram deferidos pela Justiça.  O suspeito foi preso na terça-feira (22) em Campo Novo do Parecis onde já cumpria pena por envolvimento em outro roubo.

Já a mulher teve a ordem de prisão cumprida na manhã de quarta-feira (23) no município de Tangará da Serra. Interrogados, os suspeitos confessaram o crime e disseram que entraram para roubar, porém o idoso acordou enquanto eles estavam na casa. 

Após o roubo, o casal fugiu e abandou a televisão e a motocicleta utilizada no crime.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende homem investigado por estupro de enteada, que tem necessidades especiais

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (Dedm) de Cáceres cumpriram nesta quarta-feira (23) um mandado de prisão preventiva contra um líder religioso investigado por estupro de vulnerável. O crime foi cometido contra a enteada do suspeito, que tem necessidades especiais.

 

Inquérito foi instaurado pela delegacia para apuração do crime. Irmãs da vítima flagraram o padrasto, de 59 anos, mantendo relação sexual, durante a madrugada, com a vítima e contaram sobre o fato à mãe delas.  A vítima afirmou que os abusos ocorreram por diversas vezes e, principalmente, durante a noite, enquanto todos dormiam. A mãe da vítima questionou o suspeito e ele não se explicou, apenas saiu da casa.

Na delegacia, o suspeito alegou que confundiu a enteada com sua esposa, pois segundo ele, ambas tem o mesmo tipo de corpo.

Laudos periciais solicitados comprovaram o abuso sexual e com base nas provas, a delegada Judá Maali Marcondes representou à Justiça pela prisão preventiva do investigado.

Ele foi encaminhado para a unidade prisional de Cáceres, onde permanece à disposição da justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Policiais civis prendem foragido da Justiça durante procedimento investigativo de acidente de trânsito

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

Um homem procurado pela Justiça de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá) foi preso pela Polícia Civil na manhã de quarta-feira (23.09), após ser intimado a comparecer na Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito de Rondonópolis.

O suspeito de 34 anos se envolveu em um acidente de trânsito na semana passada e foi, posteriormente, intimado a se apresentar na unidade policial nesta quarta-feira, para prestar esclarecimentos.

Durante consulta via sistema de checagem, os policiais civis identificaram uma ordem de prisão decretada pela 4ª Vara Criminal de Rondonópolis em processo pelo crime de lesão corporal grave. O mandado foi expedido em 21 de maio de 2020 e tem validade até 03 de julho de 2020.

O foragido, natural do estado de Alagoas, estava residinco no bairro Jardim Maracanã, em Rondonópolis. Ele foi ouvido em declarações sobre o acidente de trânsito e depois teve o mandado de prisão formalizado, sendo encaaminhado à unidade prisional do município, onde permanece à disposição do Poder Judiciário.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana