conecte-se conosco


Policial

Suspeito de matar companheira é autuado por homicídio com qualificadora em feminicídio

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

O rapaz de 27 anos que matou a companheira a facadas na noite desta quinta-feira (02.04, em Cuiabá, foi autuado em flagrante por homicídio qualificado – feminicídio e uso de meio cruel. Ele foi encaminhado para unidade prisional em Várzea Grande nesta sexta-feira.

O crime ocorreu nem um condomínio no bairro Chácara dos Pinheiros na região do Coxipó. A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cuiabá foi acionada sobre a ocorrência e equipes se dirigiram ao local, junto com a perícia e o Instituto Médico Legal. A vítima, Aline Gomes de Souza, 20 anos, foi encontrada morta próxima à guarita do condomínio.

De acordo com apuração, a vítima teve um desentendimento com o suspeito ainda dentro do apartamento, quando foi agredida. Ela conseguiu sair do local e correu em direção à guarita do condomínio, quando o suspeito a alcançou e desferiu golpes nas costas de Aline. Depois do crime, o rapaz fugiu em um carro branco.

Durante as diligências, com apoio da Polícia Militar, a DHPP foi informada de que o suspeito estava na região do bairro Osmar Cabral. Equipe da Delegacia de Delitos de Trânsito foi solicitada para apoiar as buscas e conseguiu localizá-lo próximo à unidade policial e prendê-lo.

Encaminhado à DHPP, o suspeito foi ouvido em interrogatório pelo delegado Marcel Gomes de Oliveira. Ele alegou que teve uma briga com a vítima, por ciúmes e que estaria arrependido.

A arma utilizada no crime foi localizada, posteriormente, pela equipe da Delegacia de Homicídios. 

O rapaz foi autuado em flagrante de acordo com o artigo 121, do Código Penal, com qualificadoras conforme estabelece o parágrafo segundo, nos incisos 3º (meio cruel) e 6º (crime contra a mulher por razões da condição de sexo feminino). A lei prevê pena para homicídio qualificado com reclusão de 12 a 30 anos.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Envolvido em furto de joalheria em Sinop é preso pela Polícia Civil em Várzea Grande

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Um dos autores do furto qualificado em uma joalheria em Sinop (499 km ao Norte de Cuiabá) foi preso em flagrante pela Polícia Civil, em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG), realizada poucas horas após o crime.  A ação resultou na recuperação de parte das joias furtadas, além da apreensão de um dos veículos utilizados no crime. .  

O crime ocorreu no sábado (23) quando os criminosos, mediante arrombamento, entraram na loja e subtraíram grande quantidade de joias, entre alianças, correntes e pingentes, causando um prejuízo a empresa de aproximadamente R$ 1 milhão.

 Logo após o furto, a equipe da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Sinop foi acionada, conseguindo, através da análise das câmeras de segurança, identificar dois veículos utilizados na ação criminosa, entre eles um Fiat Palio, com placas de Várzea grande.

Diante dos levantamentos, os policiais de Sinop entraram em contato com a equipe da  Derf Várzea Grande, que com base nas informações passadas conseguiu identificar o proprietário do veículo Fiat Palio. Em continuidade as diligências, os policiais da Derf-VG foram até a casa do suspeito onde avistaram o veículo utilizado no furto. 

Os investigadores realizaram a abordagem do suspeito, sendo encontrado com ele  uma espingarda calibre 22 com seis munições, além de algumas joias furtadas da joalheria de Sinop. Questionado, ele confessou a participação no furto assim como apontou o nome dos seus comparsas no crime.

 Diante das evidências, o suspeito foi conduzido a Derf Várzea Grande, onde após ser interrogado pelo delegado Guilherme Bertolli, foi autuado em flagrante pelos crimes de furto qualificado,  posse ilegal de arma de fogo e associação criminosa.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícias Civil e Militar recuperam veículo roubado na cidade de Cáceres

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

Um veículo roubado na cidade de Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá), foi recuperado no sábado (23.05) em ação integrada da Polícia Civil e Polícia Militar, atuante na região de fronteira.

O trabalho da força-tarefa integra a operação integrada “Hórus/Vigia-MT”, coordenada pela Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública. 

Policiais civis da Delegacia Especial de Fronteira (Defron), em conjunto com militares do Grupo Especial de Fronteira (Defron), realizaram diligências para localizar o veículo Volkswagem Jetta, roubado de uma residência em Cáceres, na quinta-feira (21).

A vítima, moradora do bairro Cavalhada I,  foi surpreendida pelos suspeitos quando chegava na casa. Ao abrir o portão ela foi abordada por três homens armados. Com os rostos cobertos, os suspeitos entraram no imóvel, renderam a família e mantiveram os moradores em cárcere privado, sob ameaça. Os criminosos fugiram do local levando o veículo Volkswagem Jetta, além de outros pertences como joias, relógios e celulares.

Durante as diligências, as equipes conseguiram encontrar o veículo escondido em um terreno de uma residência abandonada, no bairro São Miguel, local usado para guardar produtos de roubo ou furto.

Os indícios apontam que o veículo teria como destino a cidade de San Mathias, na Bolívia, para ser trocado por entorpecentes. Com a recuperação do Jetta, as investigações continuam para identificar e prisão dos autores do crime.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícias Civil e Militar fecham boca de fumo e prendem três pessoas em Campos de Júlio

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Três pessoas envolvidas com o tráfico de drogas no município de Campos de Júlio foram presas em flagrante em uma ação conjunta da Polícia Civil e Polícia Militar, realizada no sábado (23.05), no município. A ação resultou ainda na apreensão de várias porções de entorpecentes entre maconha, pasta base e cocaína, além de dinheiro e objetos de origem ilícita.

O local já era monitorado pelas equipes da Polícia Civil e Militar devido a denúncias sobre o comércio de drogas no endereço. Durante os trabalhos, os policiais flagraram o momento em que um usuário deixou o local e ao ser abordado foi surpreendido com uma porção de pasta base.

Diante das evidências, as equipes decidiram entrar na residência devido a grande movimentação de pessoas no local. Em um dos quartos da casa, os policiais encontraram uma porção de maconha e vários farelos espalhados pela cama assim como vários pedaços de plástico recortado utilizado para embalar a droga, além de R$ 1.523 em dinheiro trocado.

No quintal da casa,  existiam vários buracos pelo chão sendo encontrado em um deles, uma balança de precisão  várias porções de entorpecentes, (50 de pasta base, 13 de cocaína e quatro de maconha), além de um aparelho celular, lanterna e uma enxada utilizada para embalar a droga.

Diante dos fatos, os três suspeitos identificados como responsáveis pelo comércio foram conduzidos à Delegacia de Campos de Júlio, onde foi lavrado o flagrante de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Xavantina

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana